Governo da Indonésia pode colocar Haryanto na Manor

Pela quantia de 15 milhões de euros, aproximadamente 64 milhões de reais, piloto de 22 anos pode voltar à F1, só que desta vez, como piloto titular

O ministro do Esporte e da Juventude da Indonésia, Imam Nahrawi, anunciou que seu país tentará colocar Rio Haryanto na F1, pela Manor. O piloto de 22 anos esteve na GP2 neste ano, já foi piloto de testes da Marussia e esteve nos testes em Abu Dhabi recentemente da própria Manor.

"No que diz respeito às nossas discussões com Rio Haryanto e seu empresário, temos o prazer de confirmar que o Ministério da Juventude e Esportes da República da Indonésia vai garantir um pagamento de 15 (quinze) milhões de euros para Rio Haryanto para competir no Campeonato Mundial de Fórmula 1 em 2016 com a equipe Manor", é o que diz o comunicado do ministro.

"Os pagamentos serão feitos através de várias parcelas em troca do espaço de publicidade, além de uma série de atividades para promover a Indonésia e as empresas associadas".

A equipe ainda não anunciou a dupla que estará nos carros da equipe para 2016. Will Stevens e Alexander Rossi permanecem na disputa, após terem guiado em 2015.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Rio Haryanto
Equipes Manor Racing
Tipo de artigo Últimas notícias