GP Brasil terá um minuto de silêncio em homenagem a vítimas

Mais de 100 pessoas morreram vítimas do ataque terrorista nas ruas de Paris na última sexta-feira

A Fórmula 1 planeja uma homenagem de um minuto de silêncio, antes do Grande Prêmio do Brasil, em Interlagos, em respeito às vítimas dos atentados terroristas de Paris.

A FIA já tinha como plano uma cerimônia para as vítimas de acidentes de trânsito,  mas agora irá combinar com o massacre na França da última sexta-feira. Os detalhes específicos do evento serão finalizados neste sábado.

“Já tínhamos planejado fazer algo amanhã para relembrar as vítimas de acidente de trânsito. Todos os dias em nossas ruas morrem 3.500 pessoas. Todos os dias há 40 vezes mais pessoas morrendo (em acidentes) do que no atentado de Paris”, disse Jean Todt, presidente da FIA.

“Decidimos fazer um minuto de silêncio porque evidentemente não podemos ignorar o que aconteceu em Paris. Teremos também um momento de atenção pelo que ocorreu em Paris.”

“Você sofre quando vê um drama como o de ontem e esperamos que isso nunca aconteça novamente”, completou.

Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Brasil
Pista Autódromo José Carlos Pace
Tipo de artigo Últimas notícias