Grosjean admite que facilitou ultrapassagem de Kimi no Bahrein

Mesmo com a equipe inicialmente negando ter dado ordens - que hoje são legais - ao francês, vídeo mostrou o contrário

Grosjean conquistou seu primeiro pódio no Bahrein

Romain Grosjean admitiu que não lutou pela posição com seu companheiro Kimi Raikkonen durante o GP do Bahrein. O francês terminou a prova em terceiro, conquistando seu primeio pódio na categoria, enquanto o finlandês foi o segundo.

Ainda que, imediatamente após a prova, a dupla de pilotos e o chefe da equipe Lotus, Eric Boullier, tenham negado que Grosjean fora instruído que deixasse Raikkonen passar durante a corrida – lembrando que as ordens de equipe estão legalizadas – a conversa de rádio divulgada pela FIA após a prova confirmou que a Lotus avisou o francês de que Kimi era “mais rápido” e pediu para “não segurar” o campeão de 2007.

“Acho que se tivesse fechado a porta em cima de Kimi, ou se tivéssemos uma disputa, poderia ter perdido uma asa”, justificou Grosjean à RMC. “Sabíamos que teríamos o pódio então não quis cometer um erro. Não fiz tudo o que podia pela posição”, completou o francês, que se envolveu em acidentes nas primeiras voltas dos dois GPs inaugurais da temporada. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias