Grosjean: Confiança de pilotos foi estimulada por Gene Haas

Atitude de dono da Haas F1 tem sido crucial para manter a confiança de seus pilotos, de acordo com francês

A Haas causou um impacto instantâneo na F1 quando marcou pontos em sua estreia em 2016, mas também sofreu altos e baixos nas duas primeiras temporadas.

Romain Grosjean disse que o dono da equipe merece crédito pela forma como lidou com os tempos difíceis, desviando a culpa dele, do companheiro de equipe, Kevin Magnussen, e de outros membros.

"Você tenta não perder sua autoconfiança ao longo dos anos", disse Grosjean, que está na Haas desde que o time ingressou à F1.

"Tive a sorte de ter um carro muito bom em 2013 [na Lotus], me permitindo muitos pódios e também sei o que é um carro muito ruim.”

"Você tem que acreditar em si mesmo e uma equipe como a Haas ajuda você. Quando Gene diz 'nossos pilotos são melhores que o nosso carro', é a melhor coisa que um dono de equipe pode dizer.”

"Isso mostra muito respeito pelos pilotos e isso aumenta sua confiança."

Gene Haas é um dono de equipe discreto na F1, que tem sido mais contundente ao discutir questões com a Ferrari, como a estrutura de pagamento da F1 e a disparidade competitiva entre os maiores times e os independentes da categoria.

Grosjean acredita que ele fornece motivação clara dentro da equipe.

"Gene agradece o esforço de todos", disse Grosjean. "Ele sabe na NASCAR que as corridas são complicadas e ele é muito inteligente, ele pode ver muito o que está acontecendo.”

"Ele está aqui para apoiar o máximo que puder, em vez de apenas pressionar dizendo 'quero ver meu nome lá porque estou investindo muito dinheiro'.”

"Ele tem uma mentalidade muito positiva e incentiva todos para tirar o melhor de si mesmos."

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Romain Grosjean
Equipes Haas F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias