Grosjean lidera e Rosberg impressiona em dia marcado por batida de Alonso

Francês coloca Lotus na frente pela terceira vez em quatro dias; espanhol passará noite no hospital após acidente

Em um dia marcado pelo acidente que levou Fernando Alonso ao hospital, Romain Grosjean fechou os primeiros testes de pré-temporada realizados em Barcelona, na Espanha, na frente, colocando a Lotus na ponta pela terceira vez em quatro dias. Na quinta-feira e no sábado, seu companheiro, Pastor Maldonado, fora o mais rápido.

[publicidade] O francês utilizou os pneus supermacios para fazer o melhor tempo, a exemplo do venezuelano. Porém, abaixou a marca de Maldonado do sábado em três décimos. Mas quem chamou a atenção no último dia da atual bateria de testes em Barcelona, foi Nico Rosberg, da Mercedes, que foi 0s5 mais lento que Grosjean, porém usando pneus médios. A diferença entre os dois compostos é, teoricamente, maior que 2s.

O brasileiro Felipe Nasr, após andar pouco pela manhã devido a problemas em sua Sauber, fez o quarto melhor tempo do dia.

O domingo em Barcelona foi marcado pelo acidente de Fernando Alonso, que encerrou prematuramente as atividades na parte da manhã. O espanhol perdeu o controle de sua McLaren na saída da curva 3, segundo seu empresário, Luiz Garcia Abad, por um “forte golpe de vento” e se chocou sem muita força contra o muro da parte interna da pista. De acordo com Sebastian Vettel, que vinha logo atrás, a McLaren estava a cerca de 150km/h, velocidade relativamente baixa para o trecho.

Mesmo com o MP4-30 pouco danificado, Alonso não conseguiu sair do carro sozinho e foi levado de ambulância para o Centro Médico da pista. De lá, foi transferido para o hospital, onde passou por exames que não detectaram qualquer anomalia. O espanhol, contudo, permanecerá em observação nesta noite.

O acidente encerrou o programa de testes da McLaren, que programara trabalhar com Jenson Button à tarde. A equipe está muito atrás de seu cronograma devido a recorrentes problemas na nova unidade de potência da Honda, que estreia neste ano.

Quem também sofreu com o vento na saída da curva 3 e bateu foi o outro espanhol do grid, Carlos Sainz. O piloto, que fechou o dia em sexto lugar, chegou a ser levado ao Centro Médico, mas logo retornou normalmente aos boxes. Companheiro de Felipe Massa na Williams, Valtteri Bottas foi o quinto. Sebastian Vettel, com a Ferrari, terminou em sétimo, à frente de Nico Hulkenberg, da Force India, Alonso e Valtteri Bottas, da Williams. O companheiro de Felipe Massa foi um dos que mais andou neste último dia.

Os carros voltam à pista novamente em Barcelona dia 26 de fevereiro para outros quatro dias de testes. A temporada começa dia 15 de março, na Austrália.

Confira os tempos do dia 4 em Barcelona

1. Romain Grosjean Lotus 1:24.067 111 voltas
2. Nico Rosberg Mercedes 1:24.584 129 voltas
3. Daniil Kvyat Red Bull 1:24.941 101 voltas
4. Felipe Nasr Sauber 1:25.487 72 voltas
5. Valtteri Bottas Williams 1:25.345 127 voltas
6. Carlos Sainz Toro Rosso 1:25.604 88 voltas
7. Sebastian Vettel Ferrari 1:26.312 74 voltas
8. Nico Hulkenberg Force India 1:26.591 36 voltas
9. Fernando Alonso McLaren 1:27.956 20 voltas
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias