Gutierrez se diz aberto ao novo sistema de classificação

Em coletiva de imprensa, piloto mexicano também falou sobre que a unidade de potência que a Ferrari fornece é a menor das preocupações dentro da equipe

Apesar dos problemas nas duas semanas de testes de pré-temporada da F1, Esteban Gutierrez confia de que a confiabilidade não seja um problema que a Haas terá que enfrentar em sua temporada de estreia na F1.

Durante coletiva de imprensa no México, o mexicano falou sobre o assunto.

"A Ferrari tem feito muito na inovação e no desenvolvimento do motor. Sempre, em princípio, é bom sanar as falhas, principalmente nos treinamentos, que é onde você tem que encontrar os erros", disse.

"Encontramos a solução para todos os problemas que tivemos. A Ferrari não é uma preocupação em nossa formação. Sabemos que eles têm uma grande capacidade de resolver as coisas. Esperemos que tudo corra bem e que podemos ser competitivos."

Aberto ao novo sistema de classificação

Ao contrário da maioria dos pilotos, o mexicano se diz aberto ao novo sistema de classificação que - ao que tudo indica - será colocado em prática já no GP da Austrália.

"Vai variar muito. Haverá mais inconsistências entre o nível de competitividade das equipes, mas eu acho que isso é bom."

"Pessoalmente, acho que a mudança é boa. Mas precisamos verificar como é bom. Estou aberto e flexível para isso."

Satisfeito

A poucos dias da viagem à Austrália para a primeira etapa do campeonato, Gutierrez diz que está confiante por causa do bom trabalho realizado pela Haas durante os oito dias de testes em Barcelona.

"O importante é ter uma boa referência e uma boa base com a qual podemos trabalhar. Quão competitivo estamos? Saberemos já na classificação em Melbourne. É isso que nos intriga hoje, saber em que nível o carro está."

Quanto ao relacionamento com Romain Grosjean, ele salientou que era importante para a equipe ter dois homens de experiência durante o primeiro ano, e assim obter mais feedback.

"Romain é meu parceiro e um concorrente que está no grid. A equipe precisa de dois pilotos experientes que traga o conhecimento necessário. Dessa forma, podemos ter uma base para o desenvolvimento. Em nosso caso, serve para ajudar um ao outro também."

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
1/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
2/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
3/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
4/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
5/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
6/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
7/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
8/9

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez

Entrevista coletiva de Esteban Gutierrez
9/9

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Esteban Gutierrez
Equipes Haas F1 Team
Tipo de artigo Últimas notícias