Haas confirma Pietro Fittipaldi como piloto de testes

compartilhar
comentários
Haas confirma Pietro Fittipaldi como piloto de testes
Por: Gabriel Lima
9 de nov de 2018 14:42

Campeão da World Series em 2017, brasileiro será parte integrante de equipe norte-americana na Fórmula 1 em 2019

O sobrenome Fittipaldi retornará oficialmente para a Fórmula 1 a partir de 2019. Pietro Fittipaldi, neto do bicampeão Emerson Fittipaldi, será piloto de testes da equipe Haas na próxima temporada. Sua estreia pelo novo time será nos testes pós-temporada em Abu Dhabi, no dia 27 de novembro.

Aos 22 anos de idade, Pietro acumula passagens pela Fórmula 3 Europeia e duas temporadas na World Series, categoria na qual se sagrou campeão em 2017. Pietro será o primeiro Fittipaldi a estar em uma equipe de F1 desde seu primo, Christian, em 1994.

O ano de 2018 foi complicado para Pietro. O brasileiro nascido em Miami participou do WEC, da Super Fórmula japonesa e da Indy ao mesmo tempo fazendo provas sortidas ao longo do ano. No entanto, logo em sua estreia no WEC, nas 6 Horas de Spa, ele quebrou as duas pernas após um acidente na Eau Rouge. Isso o tirou das pistas por pouco menos de três meses.

Mesmo com os problemas, ele ainda terminou o ano conseguindo bons resultados na IndyCar, com um nono lugar em Portland como melhor momento.

"É um prazer dar as boas-vindas ao Pietro Fittipaldi na Haas F1 Team e estamos ansiosos para trabalharmos juntos", disse Guenther Steiner, chefe de equipe da Haas F1 Team. "Ele traz um pedigree de campeão e vencedor para o nosso time, com títulos nas categorias de base de fórmulas.”

“Mais recentemente, ele também acumulou experiência e bom desempenho nas provas da Indy e agora nós estamos felizes de poder dar ao Pietro seu primeiro teste em um F1. Como parte de seu papel nos testes e o feedback que ele nos dará ao longo da temporada 2019, não tenho dúvida de que ele contribuirá muito para o crescimento e desenvolvimento de nosso time na Fórmula 1", diz Guenther.

"Estou extremamente feliz de conquistar a vaga de piloto de testes da Haas F1 Team", disse Pietro. "Eu gostaria de agradecer ao Gene Haas e ao Guenther Steiner pela oportunidade de fazer parte do time. Eles fazem um trabalho incrível na F1 e terem me pedido para desempenhar este papel de seguir desenvolvendo este sucesso é realmente emocionante.”

“Não vejo a hora de estar com as mãos no volante do Haas VF-18 em Abu Dhabi. Quero carregar esta experiência para ter o máximo de aprendizado em 2019 e espero um dia conseguir uma vaga de piloto de titular na F1 no futuro", diz Pietro.

Next article
Verstappen domina primeiro treino livre do GP do Brasil

Previous article

Verstappen domina primeiro treino livre do GP do Brasil

Next article

Ricciardo recebe punição de grid em Interlagos

Ricciardo recebe punição de grid em Interlagos
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Gabriel Lima
Tipo de matéria Últimas notícias