Haas quer indenização de Sepang por acidente de Grosjean

compartilhar
comentários
Haas quer indenização de Sepang por acidente de Grosjean
Por: Lawrence Barretto
3 de out de 2017 13:54

Com prejuízo estimado em R$ 2 milhões, Steiner quer que autódromo malaio tome uma providência por falha em tampa de drenagem

The crashed car of Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17
Romain Grosjean, Haas F1 Team VF-17
Sebastian Vettel, Ferrari and Romain Grosjean, Haas F1

O chefe da Haas na F1, Guenther Steiner, está em conversas com a organização do GP da Malásia para tratar de uma possível indenização pelos danos causados no carro de Romain Grosjean no segundo treino livre do evento.

Grosjean teve seu pneu traseiro direito destruído quando passou por cima de uma tampa do sistema de drenagem que havia se deslocado na curva 13. Ele rodou a 270 km/h e sofreu um impacto de 17G nas barreiras de proteção.

O francês, que não se machucou, pediu para que se tome cuidado para que acidentes assim não se repitam, enquanto que Steiner afirmou que o episódio era “inaceitável”.

A FIA acredita que uma falha em uma soldagem fez com que a tampa se deslocasse, sendo que os engenheiros da pista tiveram de olhar todas as tampas que não possuíam parafusos e reforçá-las para o restante das atividades.

Steiner se reuniu com o diretor executivo do circuito de Sepang, Dato Razlan Razali, na manhã de domingo, para discutir o incidente e pedir por uma indenização pelos danos, que foram significativos.

O assoalho e a asa dianteira, que era nova, foram danificados de forma irreversível, sendo que o prejuízo foi avaliado em mais de R$ 2 milhões na cotaçãoo atual – um valor significativo para uma equipe pequena como a Haas.

Ao falar sobre o acidente, Steiner disse: “Foi algo completamente fora do nosso controle. Não posso dizer que deixaremos para lá um valor desses só porque alguém se esqueceu de fazer uma solda. Nós pagamos para vir até aqui, pagamos uma taxa, todos precisam pagar. Discutimos sobre isso e eles foram profissionais. Eles têm seguro, então vamos ver o que podemos fazer.”

A diretoria do circuito discute o assunto internamente. Novas conversas com a Haas devem acontecer nesta semana, antes do GP do Japão.

Próxima Fórmula 1 matéria
Ferrari confirma que câmbio de Vettel não precisa de troca

Previous article

Ferrari confirma que câmbio de Vettel não precisa de troca

Next article

Confira trecho do 8º episódio do Especial Família Piquet

Confira trecho do 8º episódio do Especial Família Piquet
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Localização Sepang International Circuit
Pilotos Romain Grosjean Shop Now
Equipes Haas F1 Team
Autor Lawrence Barretto
Tipo de matéria Últimas notícias