Hamilton acusa Vettel de quebrar regras em Safety Car

Britânico diz que alemão não foi justo ao frear e reacelerar durante a primeira relargada do GP do Azerbaijão

Lewis Hamilton acredita que o rival da Ferrari, Sebastian Vettel, quebrou as regras de relargada do Safety Car durante o GP do Azerbaijão do último domingo.

No primeiro reinício, o líder Vettel reduziu a velocidade do grid e esperou até o último momento possível para acelerar, na tentativa de minimizar a corrida até a primeira curva e evitar que outras pessoas se beneficiassem de seu vácuo.

Hamilton, segundo na ocasião, acredita que o que Vettel fez o errado e sugeriu que ele pode vir a falar com o diretor de provas da F1, Charlie Whiting, sobre o assunto.

"As regras são, quando o Safety Car se vai, você não tem permissão para acelerar, parar, acelerar, parar", disse Hamilton.

"Você não está autorizado. Você não tem permissão para enganar o cara atrás, porque, naturalmente, se não houvesse essa regra, é o que você faria. Você não tem permissão para fazer isso.”

"Todas as relargadas que eu fiz, particularmente as quatro que eu fiz no ano passado, não fiz isso. Na Austrália, Sebastian acelerou e depois freou. Eu quase subi na traseira dele. E hoje ele fez isso umas quatro vezes.”

"Eu suponho que eu preciso falar com Charlie, porque eu não entendo. Até onde eu sei, acho que Charlie passou para os comissários, e os comissários não fizeram nada a respeito."

Whiting esteve convencido de que Vettel não tinha feito nada fora do comum, e que é direito do líder definir o ritmo, contanto que ele não faça uma manobra perigosa.

"Acho que ele controlou muito bem", disse Whiting. "Cabe ao piloto principal dizer quando todos vão, ao contrário de outros campeonatos, que têm o que eles chamam de zona de aceleração – um lugar, uma zona de 300 a 400m, onde você deve acelerar. Você não pode fazer isso antes.

"Mas uma vez que temos a bandeira verde, o Safety Car entra nos boxes, todos os painéis de luz ficam verdes e cabe ao líder decidir quando ele vai largar.”

"Este é um lugar muito complicado, porque eles pegam o Safety Car muito rapidamente se acelerarem cedo demais. Nós vimos isso na F2 no ano passado, ou no ano anterior. Acho que Seb controlou isso muito bem.”

"Houve uma pequena reclamação de Lewis de que ele não estava indo a um ritmo constante, mas se você olhar para o grid, existem alguns lugares onde isso acontece.”

"Esperar que todos saiam a uma mesma velocidade simplesmente não parece acontecer. Então, enquanto ninguém fizer algo que seja obviamente perigoso, então eu acho que estamos felizes com o que aconteceu e acho que ele controlou isso muito bem. "

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Azerbaijão
Pista Baku City Circuit
Pilotos Lewis Hamilton , Sebastian Vettel
Tipo de artigo Últimas notícias