Hamilton admite que preferia ser Superman a Senna

Em campanha de patrocinador, tricampeão da F1 contou detalhes da infância e mostrou novamente a idolatria pelo piloto brasileiro

Lewis Hamilton sempre fez questão de exaltar a idolatria de Ayrton Senna, ainda mais com a confirmação do tricampeonato, após o GP dos Estados Unidos, igualando o número de campeonatos do brasileiro.

Em vídeo publicitário de um dos patrocinadores da Mercedes, Hamilton traz um novo personagem que fez parte de sua infância: o Superman.

Na campanha, o britânico conta como seu interesse pelo automobilismo foi alavancado pelos carrinhos de controle remoto e sobre as corridas que via na TV.

"Acho que quando eu tinha cerca de cinco anos, comecei a assistir Fórmula 1 e queria ser o Superman ou Ayrton Senna."

"Eu preferia ser o Superman porque seria muito legal, mas não era possível. É claro que eu nunca soube que eu ia acabar sendo um piloto de Fórmula 1."

Hamilton também falou sobre sua autoconfiança e que as pessoas nunca desistam de seus sonhos.

"Se há algo que você realmente deseja, não deixe que ninguém fale que você não pode fazer. Tive professores e os pais de outros alunos que me diziam eu conseguiria nada."

"Nunca perca a crença em si mesmo, porque, felizmente para mim, fui capaz de segurar essa crença para toda a minha vida. Isso me levou até onde estou hoje".

Confira o vídeo (em inglês)

 

 

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias