Hamilton alfineta Rosberg novamente: "reclama demais"

Tricampeão diz ainda que não se pode ser bondoso na pista e que não está na Fórmula 1 para fazer amigos; britânico ressalta, entretanto, que disputa deve ser honesta

A temporada 2015 da Fórmula 1 terminou no último domingo (29) com a vitória de Nico Rosberg no GP de Abu Dhabi - a terceira seguida do alemão na reta final do campeonato, que ficou nas mãos de Lewis Hamilton, companheiro do germânico na Mercedes.

O clima entre os dois pilotos não é dos melhores há algum tempo, e Hamilton resolveu colocar um pouco mais de lenha na fogueira em uma entrevista à rede de televisão britânica BBC.

"Você pode ver, ele reclama demais. O negócio é meio que relevar isso, pois á apenas o jeito dele. Talvez isso aconteça por termos vindo de mundos diferentes", disse o britânico, em referência à infância dele comparada à de Rosberg - Hamilton cresceu em uma comunidade mais simples e viu os pais se separarem, enquanto o alemão cresceu em Mônaco.

Além das críticas a Rosberg, Hamilton falou sobre a postura dentro da pista, ressaltando que não há espaço para amizades na F1 e que a disputa deve ser dura, mas honesta.

"Você não pode ser bonzinho lá fora e dizer: "Ei, aqui está um pouco de espaço para você". Digo, isso aqui é uma competição, não estou aqui para fazer amigos, para terminar a corrida e dizer: "Que corrida adorável, camarada, você foi gentil comigo e me deixou ganhar", afirmou.

"Quando você tem uma chance, deve aproveitá-la. Isso não significa que você deve trapacear ou colocar o adversário fora da pista, mas que você deve ser duro e ir até o limite", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias