Hamilton: "Aprendi muito sobre mim neste ano"

Derrotado pelo companheiro Nico Rosberg, inglês disse que guiou com muito mais “coração” do que em outros anos

Renovado após a derrota no campeonato deste ano para o companheiro Nico Rosberg, Lewis Hamilton analisou sua temporada e disse que aprendeu muito mais sobre si após este ano. O piloto disse que foi obrigado a cavar fundo dentro de sua personalidade para encontrar forças para uma reação no fim do ano.

"Aprendi muito sobre mim neste ano", disse ele.

"Eu entendi e encontrei fraquezas que posso agora melhorar para o próximo ano. Algumas eu já melhorei durante a temporada.”

"Eu li em algum lugar que Baku foi uma corrida ruim por conta no meu mau desempenho, mas a classificação foi o meu mau desempenho. Na corrida eu estava preso em um acerto que a equipe tinha definido e não tinha nenhuma informação. Mas, em outros casos, tivemos corridas onde definitivamente poderia ter feito coisas diferentes.”

"Talvez se eu tivesse feito isso, teria ganhado. Mas isso não é algo que eu pense em fazer em uma temporada, porque no calor do momento você faz o melhor que pode. Ganhei as últimas quatro corridas e acho que fui muito bem nas corridas que ganhei.”

"Ganhei 10 corridas e tive 12 pole positions, o que, considerando que não andei em três das sessões de classificação, é muito.”

Na tentativa de superar alguns dos problemas que enfrentou, Hamilton disse que teve que se focar mais do que em outros anos.

"Eu acho que dirijo bem em todos os anos, mas acho que provavelmente fui com mais coração do que eu já fiz antes. Eu enfrentei muito mais desafios ao longo do ano.”

"Eu tive que cavar fundo, provavelmente mais fundo do que em outros anos, quando largava na frente e desaparecia. Eu diria que guiei muito mais com o coração e com muito mais coragem para enfrentar os desafios e superá-los."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias