Hamilton celebra ganho mínimo de Vettel em Silverstone

compartilhar
comentários
Hamilton celebra ganho mínimo de Vettel em Silverstone
Scott Mitchell
Por: Scott Mitchell
10 de jul de 2018 18:54

Piloto diz que segundo lugar na Inglaterra foi importante para minimizar dano após toque na primeira volta

Sebastian Vettel, Ferrari and Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 on the podium
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1
Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09, battles with Sebastian Vettel, Ferrari SF71H

Lewis Hamilton sente que sua recuperação para o segundo lugar no GP da Inglaterra foi ótima para a Mercedes, depois de minimizar o ganho de Sebastian Vettel no campeonato.

Hamilton chegou a ser 18º na primeira volta.

"Estamos em uma batalha difícil neste ano e é a batalha mais intensa que eu acho que todos nós já tivemos", disse Hamilton.

“Eu sou muito, muito grato que o carro ainda tenha seguido inteiro após o incidente na curva 3. Enquanto no começo parecia que eu havia perdido algo na traseira, olhando para o carro depois parecia que estava tudo bem e estava melhorando cada vez mais durante a corrida, então isso foi ótimo.”

"Honestamente, voltar para o segundo lugar foi enorme para nós. Eu definitivamente estou feliz com o que eu fiz.”

As mensagens iniciais de Hamilton para a Mercedes no rádio da equipe sobre o incidente foram uma mistura de desânimo com o contato e preocupação com os danos ao seu carro.

Seu engenheiro Peter Bonnington tentou tranquilizar o tetracampeão mundial em ambas as mensagens, dizendo a ele que o carro parecia bem e que ele seria capaz de se recuperar.

Perguntado após a corrida se ele achava que conseguir 18 pontos era possível após a largada, Hamilton respondeu: “sim. Eu tive que ter essa mentalidade”.

“Eu fui o último e ainda acreditei que poderia ganhar. Eu tive que manter essa mentalidade para voltar para onde eu estava.”

Hamilton terminou em segundo depois que a Mercedes optou por não ir aos boxes com ele e seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas, para colocar pneu novos no Safety Car, o que lhes garantiu posição de pista à frente das Ferraris, mas significou que eles teriam borracha mais velha quando a corrida recomeçasse.

Bottas caiu do primeiro para o quarto lugar enquanto seus médios se desgastavam, mas Hamilton foi capaz de passar seu companheiro de equipe e manteve Raikkonen atrás dele.

O chefe da equipe Mercedes, Toto Wolff, disse: “acho que foi absolutamente uma decisão acertada”.

“Havia 15 ou 16 voltas até o final. Fazer o oposto da Ferrari foi a escolha pela qual decidimos e no final nos trouxe um segundo e um quarto. Considerando como a corrida começou, precisamos aceitar o resultado como um resultado ok. Limitação de danos."

Next article
Vettel x Prost: Quem é o melhor depois das 51 vitórias?

Previous article

Vettel x Prost: Quem é o melhor depois das 51 vitórias?

Next article

Force India confirma Latifi e Mazepin em atividades

Force India confirma Latifi e Mazepin em atividades
Load comments