Hamilton detona recorde e lidera TL1 no Brasil; Massa é 7º

Recém-coroado tetracampeão comanda folha de tempos em sessão de domínio da Mercedes em Interlagos

Lewis Hamilton mostrou que virá com tudo na corrida seguinte à conquista de seu tetracampeonato mundial na F1. O inglês foi o mais rápido no primeiro treino livre para o GP do Brasil, com direito a marca que é, confortavelmente, o novo recorde absoluto de Interlagos.

Hamilton comandou a dobradinha da Mercedes, ficando imediatamente à frente de seu companheiro de equipe, Valtteri Bottas. O carro mais próximo foi a Ferrari de Kimi Raikkonen, o terceiro mais veloz, mas com uma diferença já em 0s5 – tempo considerável, especialmente em uma volta curta, na casa de 1min09s.

Max Verstappen, que dominou o GP do México, há duas semanas, fechou em quarto, imediatamente à frente de seu parceiro na Red Bull, Daniel Ricciardo. Sebastian Vettel, que ainda luta para garantir o vice-campeonato, foi apenas o sexto, ainda enfrentando um susto com uma rodada na curva do Pinheirinho.

Felipe Massa, em sua última corrida de F1 no Brasil, encerrou a sessão em sétimo lugar, a 0s9 da marca de Hamilton.

Os detalhes

Sob sol e calor, o treino já começou com certa movimentação em Interlagos. Após as voltas de instalação de todos os pilotos, Verstappen deu início à sua primeira sequência de voltas cronometradas. Logo de cara, o holandês virou na casa de 1min10s9, já calçado com os pneus supermacios – os mais velozes do fim de semana.

Pouco tempo depois, Bottas deu o pontapé em suas atividades. Usando pneus macios, o piloto da Mercedes registrou em sua sequência 1min10s102, tempo que já superava, de longe, as marcas obtidas na edição do ano passado do GP do Brasil.

O primeiro contratempo da sessão veio a 18 minutos de treino, quando o motor de Brendon Hartley apresentou problemas. O neozelandês encostou na subida para os boxes e provocou a ativação momentânea do safety car virtual.

Perto de 30 minutos de atividades, os tempos baixaram ainda mais: Hamilton assumiu a ponta na casa de 1min09s6, também com pneus macios. Já tratava-se do novo recorde absoluto de Interlagos, superando a marca obtida por Rubens Barrichello durante a pré-classificação de 2004 (1min09s822).

Pouco depois, Hamilton baixou ainda mais, com 1min09s4. A Mercedes já apresentava grande vantagem para as demais – Bottas encostou em Hamilton, também de macios, sendo que o candidato mais próximo, Massa, estava 0s8 de atraso, em terceiro.

Perto da metade do treino, Bottas passou a utilizar os pneus supermacios, e logo de cara já assumiu a ponta, já na casa de 1min09s3. Hamilton respondeu em seguida, também com a borracha marcada em vermelho, e pulou para a liderança em 1min09s2. Foram os últimos instantes em que houve melhora de tempo entre os ponteiros, uma vez que todos iniciaram suas simulações de corrida na fase final da sessão.

O treino teve participação de dois pilotos reservas – e campeões de suas categorias em 2017. George Russell, que triunfou na GP3, ficou em 12º, cerca de 0s6 atrás do titular Esteban Ocon. Já Charles Leclerc, campeão da F2, ficou em 17º, imediatamente à frente de Marcus Ericsson.

O ponto baixo da sessão ficou com a Toro Rosso. Além do problema de Hartley, que impediu que o neozelandês marcasse tempo, o outro piloto do time, Pierre Gasly, também andou pouco devido a um problema em sua unidade de potência.

Primeiro treino livre: 

ClaPilotoChassisMotorVoltasTempoGapIntervalokm/h
1 44 united_kingdom  Lewis Hamilton  Mercedes Mercedes 36 1'09.202     224.161
2 77 finland  Valtteri Bottas  Mercedes Mercedes 43 1'09.329 0.127 0.127 223.750
3 7 finland  Kimi Raikkonen  Ferrari Ferrari 32 1'09.744 0.542 0.415 222.419
4 33 netherlands  Max Verstappen  Red Bull TAG 31 1'09.750 0.548 0.006 222.400
5 3 australia  Daniel Ricciardo  Red Bull TAG 38 1'09.828 0.626 0.078 222.151
6 5 germany  Sebastian Vettel  Ferrari Ferrari 32 1'09.984 0.782 0.156 221.656
7 19 brazil  Felipe Massa  Williams Mercedes 28 1'10.102 0.900 0.118 221.283
8 2 belgium  Stoffel Vandoorne  McLaren Honda 26 1'10.402 1.200 0.300 220.340
9 31 france  Esteban Ocon  Force India Mercedes 36 1'10.454 1.252 0.052 220.177
10 14 spain  Fernando Alonso  McLaren Honda 24 1'10.476 1.274 0.022 220.108
11 18 canada  Lance Stroll  Williams Mercedes 42 1'10.632 1.430 0.156 219.622
12 35 united_kingdom  George Russell  Force India Mercedes 29 1'11.047 1.845 0.415 218.339
13 8 france  Romain Grosjean  Haas Ferrari 29 1'11.188 1.986 0.141 217.907
14 20 denmark  Kevin Magnussen  Haas Ferrari 30 1'11.463 2.261 0.275 217.068
15 55 spain  Carlos Sainz Jr.  Renault Renault 32 1'11.467 2.265 0.004 217.056
16 27 germany  Nico Hulkenberg  Renault Renault 35 1'11.608 2.406 0.141 216.629
17 37 monaco  Charles Leclerc  Sauber Ferrari 32 1'11.802 2.600 0.194 216.044
18 9 sweden  Marcus Ericsson  Sauber Ferrari 28 1'11.898 2.696 0.096 215.755
19 10 france  Pierre Gasly  Toro Rosso Renault 5 1'14.034 4.832 2.136 209.530
20 28 new_zealand  Brendon Hartley  Toro Rosso Renault 2      
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Brasil
Sub-evento Sexta-feira - Treino Livre 1
Pista Interlagos
Tipo de artigo Relato do treino livre