Hamilton diz que não sabe se Lauda volta ao paddock ainda em 2018

compartilhar
comentários
Hamilton diz que não sabe se Lauda volta ao paddock ainda em 2018
8 de nov de 2018 18:29

Piloto afirmou que transplante de pulmão que tricampeão da F1 foi submetido foi muito complexo e que ele perdeu peso. Novo pentacampeão da F1 também falou sobre a prioridade que se tornou campeonato de construtores

Lewis Hamilton chegou a Interlagos já pentacampeão mundial, após conquistar seu novo título no GP do México, há duas semanas.

A partir de agora, reafirmou o compromisso de lutar por outro mundial, o de construtores. Nesta quinta-feira, ele atendeu a imprensa e comentou sobre a pressão de ter conquistado uma parte dos objetivos principais dele e de seu time.

“Na verdade, não sinto diferença alguma vindo para cá neste fim de semana em relação aos outros, a pressão ainda é a mesma. Tenho que ter um bom desempenho, ainda sob pressão.”

“Quero vencer no Brasil, as últimas duas corridas (no campeonato) foram chocantes, não sei o que pode acontecer nas duas próximas.

“[O título de construtores] é o mais importante. Nessas duas próximas corridas isso se tornou a prioridade número 1. Trabalhamos o ano todo disputando os dois campeonato e a partir de agora vamos focar nisso.”

Outro assunto que foi falado junto aos jornalistas foi o estado de saúde do tricampeão mundial de Fórmula 1 e diretor não-executivo da Mercedes, Niki Lauda, que passou por um transplante de pulmão em 2018.

Perguntado se ele esperava vê-lo de volta no GP de Abu Dhabi na última prova da temporada, Hamilton afirmou que essa era uma grande pergunta e explicou.

“Lauda perdeu muito peso, foi fisicamente uma experiência dura com ele. Transplante de pulmão não é um processo simples, é uma experiência perto de morte para ele. Mas Niki é o maior guerreiro que eu conheço.”

Next article
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Brasil
Pilotos Lewis Hamilton Shop Now