Hamilton ignorou ordens de alta cúpula da Mercedes

71,298 visualizações

Mercedes diz que envolvimento de Paddy Lowe nas instruções via rádio a Lewis Hamilton durante GP de Abu Dhabi foi prova de que a situação atingiu alto escalão

Depois que Lewis Hamilton ignorou várias instruções para voltar a desenvolver sua velocidade a seus engenheiros, o diretor executivo de Mercedes, Paddy Lowe, veio ao rádio ordenar o inglês a ir mais rápido.

"Precisamos que você aumente o ritmo", disse ele.

Em resposta, Hamilton novamente se recusou a aumentar seu ritmo e disse: "estou na liderança agora. Estou muito confortável onde estou."

Falando depois sobre como os eventos se desenrolaram, o chefe de da Mercedes, Toto Wolff explicou que ter instruções de Lowe eram algo significativo.

"Quando Paddy dá alguma instrução, é a escala mais alta que temos ", disse ele. "Nós firmamos essas regras juntos, há algum tempo atrás, em Melbourne."

Quando perguntado se ele mesmo pensou em dar ordens, Wolff disse: "não, porque eu não tenho o botão. Eu sei os riscos de se fazer isso, teria feito em várias ocasiões e talvez teria me arrependido mais tarde."

Embora Wolff tivesse dito antes da prova que a Mercedes não iria interferir na batalha entre seus pilotos, ele explicou que as mensagens de rádio para Hamilton surgiram porque a equipe temia que ele poderia perder a corrida para Ferrari.

"Tivemos dois momentos de risco na corrida: um era Max Verstappen, porque não estava claro se ele faria apenas uma parada e ele estava em uma boa posição."

"O outro foi [Sebastian] Vettel rodando dois segundos mais rápido. E isso não importa se é a primeira corrida ou a última, é garantir a vitória."

"Você pode questionar isso, mas tivemos esses dois momentos e é por isso que pedimos a ele para aumentar o ritmo."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Abu Dhabi
Pista Yas Marina Circuit
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias