Hamilton precisa encontrar o eixo, diz Barrichello

Brasileiro analisa nova confusão de inglês com Massa e admite que a pressão no mundo da F-1 é muito grande

Lewis Hamilton

Um dos pilotos mais experientes do grid ao lado de Michael Schumacher, Rubens Barrichello analisou a confusão criada entre Felipe Massa e Lewis Hamilton no GP da Índia.

Pela sexta vez, os dois pilotos se enroscam de alguma forma e, segundo o piloto da Williams, os pilotos deveriam se entender de alguma forma.
 
"Eles estavam na minha frente e até cheguei a passá-los. Vi que o Massa espalhou e eles devem ter se tocado. O histórico dos dois é grande, e eles tem de sentar com uma garrafa de vinho para acalmar", comenta.
 
Barrichello admite que a pressão dentro da F-1 é muito grande e começa antes mesmo dos treinos livres, por isso o piloto precisa colocar a cabeça no lugar.
 
"Me sinto orgulhoso de conseguir combater isso depois de 19 anos. A F-1 tem o ambiente muito pesado, você deixa a esposa e os filhos em casa, fica treinando no simulador e na quinta-feira já fica na expectativa do que falar para o jornalista, o que já é tenso", destaca.
 
"Temos mais é que analisar o Hamilton, que está passando por isso. O clima está pesado, mas esperamos que ele saia logo. Talento e velocidade ele tem. Nem acho que ele deve estar passando tantos problemas assim, mas você vê corridas ruins. Ele precisa encontrar o eixo, se esse eixo está fora", completa.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias