Hamilton prega cautela na Mercedes: "Não sou milagreiro"

Piloto diz não ter ideia de onde nova equipe está em relação aos rivais e fala em primeiro terminar as corridas

Lewis Hamilton preferiu a cautela ao dar suas primeiras entrevistas após o lançamento de seu novo carro para a temporada 2013, o W04. Preparando-se para estrear pela Mercedes, o inglês salientou que não é “milagreiro” e disse esperar uma evolução gradual da equipe, quinta colocada no mundial do ano passado.

“Não tenho ideia de onde estamos no momento, além de ter visto nossos resultados aerodinâmicos e os caras conseguiram melhoras, mas ainda é uma evolução do carro do ano passado”, afirmou Hamilton.

“Neste ano, quero me adaptar à equipe, construir uma boa relação de trabalho e levar o carro do ano que vem à direção correta. Temos de ter resultados enquanto equipe, claro, mas não faço milagres. Vou trabalhar o mais duro que puder com a equipe para dar passos adiante.”

O inglês afirmou que não espera sequer obter pódios logo de cara. O objetivo é primeiramente terminar as corridas e, depois, melhorar a performance.

“A meta é melhorar em relação ao ano passado. Em 2012, eles não tiveram um ano forte. Eles conseguiram a vitória, mas não tiveram pódios suficientes, não chegaram nem próximos ao sucesso que mereciam. Neste ano, vamos dar um passo de cada vez. Primeiro terminar a corrida, depois chegar ao pódio para então tentar vencer corridas.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton
Tipo de artigo Últimas notícias