Hamilton reage no fim, bate Vettel e faz pole em Silverstone

compartilhar
comentários
Hamilton reage no fim, bate Vettel e faz pole em Silverstone
7 de jul de 2018 14:15

Inglês assumiu o primeiro lugar em sua última tentativa no Q3, superando ambas as Ferraris por menos de um décimo de segundo

Lewis Hamilton conquistou a pole position para o GP da Grã-Bretanha, em Silverstone, a 10ª etapa da temporada de 2018 da F1. Mas se enganou quem achava que seria fácil após o ritmo apresentado pela Mercedes nos treinos livres, já que a Ferrari terminou a classificação em sua cola.

Hamilton só veio a conquistar a pole position em sua volta derradeira no Q3, quando tomou a ponta de Sebastian Vettel. O tempo registrado pelo inglês foi de 1min25s892, somente 0s044 à frente do concorrente.

Vettel e Kimi Raikkonen, aliás, foram competitivos nas parciais, mas não encaixaram voltas suficientes para a pole. Valtteri Bottas ficou mais distante, no quarto lugar.

Max Verstappen e Daniel Ricciardo ficaram em um posto à parte, seguidos da dupla da Haas, Charles Leclerc e Esteban Ocon, que também avançaram ao Q3.

Já no fundo do grid, resultados melancólicos para Stoffel Vandoorne e as duas Williams, que caíram ainda no Q2. Já Brendon Hartley foi a ausência da tarde, já que não foi à pista após sofrer um forte acidente no terceiro treino livre.

Q1

Logo no começo da classificação houve as primeiras baixas: Lance Stroll escapou na entrada da curva Brooklands, o mesmo ponto em que Hartley bateu pela manhãe abandonou o treino sem sequer marcar tempos. Dois pilotos, portanto, já estavam eliminados no Q1.

Não foi o único susto da Williams em sua corrida de casa, já que, poucos minutos mais tarde, Sergey Sirotkin rodou na entrada da Stowe e por pouco não ficou atolado na caixa de brita.

Assim que o treino prosseguiu, os ponteiros usaram abordagens diferentes. Vettel foi ao Q1 de pneus macios e liderou com 1min26s585, logo à frente de Hamilton e Bottas, que vieram de médios. Raikkonen também usou pneus marcados em branco e ficou em quinto, ainda atrás de Max Verstappen (quarto de pneus macios, demarcados em amarelo).

A surpresa positiva foi mais uma vez Leclerc, que colocou a Sauber no sexto posto, à frente de Ricciardo, da Red Bull.

Na parte inferior da tabela, más notícias para Carlos Sainz, Stoffel Vandoorne e Sirotkin, que ocuparam as últimas posições, além de Stroll e Hartley, que não marcaram tempos.

Q2

Os pilotos das equipes de ponta foram à pista de imediato com pneus macios. Ao fim da rodada, quem levou a melhor foi Hamilton, com 1min26s256 – com 0s1 de vantagem para Vettel e Bottas e 0s2 à frente de Raikkonen, o quarto.

Já a Red Bull seguiu a tendência já mostrada nos treinos anteriores de ocupar um “pelotão à parte”, ou seja, longe de Mercedes e Ferrari, mas à frente das demais. Verstappen foi o quinto, 0s7 atrás de Hamilton, com Ricciardo em sexto.

A Haas mais uma vez se destacou e levou seus dois carros ao Q3, com Romain Grosjean em sétimo, Kevin Magnussen em oitavo. Leclerc e Ocon também brilharam ao ficar entre os dez melhores.

Isso significou más notícias para Nico Hulkenberg, Sergio Pérez, Fernando Alonso, Pierre Gasly e Marcus Ericsson, que foram eliminados da fase.

Q3

Na primeira rodada do Q3, Vettel levou a melhor por uma pequena margem: 1min25s936, apenas 0s057 à frente de Hamilton. Bottas e Raikkonen fecharam a seguir, separados, respectivamente, por 0s2 e 0s3.

Depois, na tentativa decisiva, Hamilton pulou para o primeiro lugar, com destaque para a melhor parcial geral no segundo setor 1min25s892. Vettel não chegou a melhorar, pois não fez um primeiro trecho de volta dos mais competitivos.

Raikkonen, por sua vez, roubou o terceiro lugar, registrando a melhor parcial no primeiro e terceiro setores – mas perdendo tempo de forma significativa no trecho do meio, o que possivelmente lhe custou a pole.

Resultado da classificação:

Cla # Piloto Chassi Motor Tempo Diferença
1 44 United Kingdom Lewis Hamilton Mercedes Mercedes 1'25.892  
2 5 Germany Sebastian Vettel Ferrari Ferrari 1'25.936 0.044
3 7 Finland Kimi Raikkonen Ferrari Ferrari 1'25.990 0.098
4 77 Finland Valtteri Bottas Mercedes Mercedes 1'26.217 0.325
5 33 Netherlands Max Verstappen Red Bull TAG 1'26.602 0.710
6 3 Australia Daniel Ricciardo Red Bull TAG 1'27.099 1.207
7 20 Denmark Kevin Magnussen Haas Ferrari 1'27.244 1.352
8 8 France Romain Grosjean Haas Ferrari 1'27.455 1.563
9 16 Monaco Charles Leclerc Sauber Ferrari 1'27.879 1.987
10 31 France Esteban Ocon Force India Mercedes 1'28.194 2.302
11 27 Germany Nico Hulkenberg Renault Renault 1'27.901 2.009
12 11 Mexico Sergio Perez Force India Mercedes 1'27.928 2.036
13 14 Spain Fernando Alonso McLaren Renault 1'28.139 2.247
14 10 France Pierre Gasly Toro Rosso Honda 1'28.343 2.451
15 9 Sweden Marcus Ericsson Sauber Ferrari 1'28.391 2.499
16 55 Spain Carlos Sainz Jr. Renault Renault 1'28.456 2.564
17 2 Belgium Stoffel Vandoorne McLaren Renault 1'29.096 3.204
18 35 Russian Federation Sergey Sirotkin Williams Mercedes 1'29.252 3.360
19 18 Canada Lance Stroll Williams Mercedes    
20 28 New Zealand Brendon Hartley Toro Rosso Honda

 

Next article
GALERIA: Hartley sofre acidente assustador no TL3

Previous article

GALERIA: Hartley sofre acidente assustador no TL3

Next article

PLACARES: Confira as disputas internas de cada time na F1

PLACARES: Confira as disputas internas de cada time na F1
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Grã-Bretanha