Hamilton se diz incrédulo com derrota: “Não sei o que houve”

compartilhar
comentários
Hamilton se diz incrédulo com derrota: “Não sei o que houve”
25 de mar de 2018 09:55

Lewis Hamilton disse ter ficado incrédulo com a derrota sofrida para Sebastian Vettel na abertura da temporada de 2018 da F1, na Austrália.

Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09
Sebastian Vettel, Ferrari and Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 celebrate in parc ferme
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09, Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari, celebrates victory on the podium with second place Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, and third place Kimi Raikkonen, Ferrari
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 W09, Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H, Sebastian Vettel, Ferrari SF71H, and the rest of the field at the start
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H leads Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09 EQ Power+ leads at the start of the race
Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, at the drivers parade

O inglês, que iniciou a prova da pole position, controlou a liderança no estágio inicial da prova, mantendo distância segura para Kimi Raikkonen, que vinha a seguir.

No entanto, Hamilton foi surpreendido no período do safety car virtual, logo após a sua única parada para troca de pneus, quando viu Vettel fazer seu pitstop e assumir a liderança da prova.

O piloto da Mercedes, que recebeu a bandeirada em segundo, se mostrou confuso com o ocorrido. “Eu ainda não entendi o que aconteceu. Fiz tudo o que acho que deveria ter feito”, comentou o tetracampeão.

“O safety car entrou e eu estava entrando na reta. De repente, no último minuto, me disseram que a Ferrari estava saindo. Eu nem sabia que a Ferrari estava no box. Fiquei simplesmente incrédulo daquele momento até o fim, simplesmente incrédulo.”

 

 

“Fiquei faminto para tentar me recuperar de qualquer cenário, mesmo que aquilo tenha sido um erro meu ou não.”

Dali em diante, Hamilton iniciou uma perseguição a Vettel, mas não conseguiu a ultrapassagem. Nas últimas voltas, inclusive, reduziu seu ritmo, o que considera ter sido a decisão correta.

“Eu estava arriscando, mas poderia ter perdido todos os pontos. No fim, acho que tomei a decisão correta”, disse. “É um longo caminho no campeonato e nada está ganho depois de uma prova. É nisso que estou tentando focar.”

Veja os destaques do GP da Austrália

 

Próxima Fórmula 1 matéria
Presidente da Ferrari celebra: “não podia ser melhor”

Previous article

Presidente da Ferrari celebra: “não podia ser melhor”

Next article

3º, Raikkonen aceita falta de sorte em estratégia

3º, Raikkonen aceita falta de sorte em estratégia

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Localização Melbourne Grand Prix Circuit
Tipo de matéria Últimas notícias