Hamilton se livra de zica e larga na frente no GP da Itália

Inglês não fazia a pole position desde maio; Williams se coloca como segunda força e Massa larga em quarto

No primeiro round do GP da Itália, deu Lewis Hamilton. O inglês, que não largava na primeira posição desde o GP da Espanha, em maio, conquistou a pole position em Monza e terá seu companheiro Nico Rosberg a seu lado.

A Williams demonstrou, por todo o treino classificatório, ser a segunda força neste final de semana. Valtteri Bottas se classificou em terceiro, seguido por Felipe Massa.

[publicidade] Q1

Mesmo depois de perder a terceira sessão de treinos livres devido a um problema no câmbio, que foi solucionado pela equipe Mercedes antes da classificação, Nico Rosberg começou andando forte. Contudo, foi superado por Lewis Hamilton na primeira parte do treino, ainda que por menos de um décimo.

Comprovando o bom rendimento da Williams em Monza, a dupla da Mercedes era seguida pelos dois pilotos do time inglês, com Massa à frente. Mas a primeira parte do treino também teve uma surpresa: a Toro Rosso andou bem, com Vergne em sexto e Kvyat em sétimo. Por outro lado, Ferrari e Red Bull ficaram para trás, fora do top 10.

Entre os eliminados da primeira parte do ano, os ‘suspeitos’ de sempre: as duplas das nanicas Caterham e Marussia e os dois pilotos da Lotus. Maldonado, inclusive, superou Grosjean apenas pela segunda vez no ano, enquanto Kobayashi ganhou de Ericsson por grande margem e Bianchi ficou na frente de Chilton.

Q2

Na primeira tentativa da segunda parte da classificação, novamente deu Hamilton. Desta vez, por mais de um décimo de vantagem. Bottas e Massa apareceram mais uma vez em terceiro e quarto, agora com o finlandês à frente, enquanto Alonso conseguiu colocar a Ferrari em quinto.

Em um circuito no qual as diferenças geralmente são pequenas, a briga era boa entre as Red Bull e Kimi Raikkonen para ver quem entraria na última parte do treino. No final, acabou sobrando para o finlandês, que foi seis décimos mais lento que Alonso e se classificou em 12º.

O piloto da Ferrari, porém, largará em 11º, devido à punição ao russo Daniil Kvyat, que perdeu 10 posições no grid por usar a sexta unidade de ICE (motor de combustão). O 12º no grid será Vergne, seguido por Hulkenberg, Sutil e Gutierrez. Kvyat larga em 21º.

Q3

Hamilton mostrou que não venderia fácil a pole logo na primeira tentativa do Q3, quando marcou 1min24s109, colocando mais de quatro décimos em Rosberg, com Bottas novamente em terceiro, menos de dois décimos à frente de Massa.

Na segunda tentativa, Rosberg conseguiu se aproximar, mas não foi o bastante para alcançar o companheiro, que larga na pole pela primeira vez desde o GP da Espanha, em maio. Os pilotos não melhoraram na segunda tentativa e permaneceram nas mesmas posições, com Bottas em terceiro e Massa em quarto.

A McLaren apareceu como terceira força, com Magnussen superando Button na luta pelo quinto posto. Alonso colocou a Ferrari na sétima posição e Vettel foi mais rápido que Ricciardo, que errou na Parabolica e larga apenas em nono. Perez fecha o top 10 da corrida que começa às 9h pelo horário de Brasília. Acompanhe a prova por meio de nosso twitter, @totalracebr. 

Grid de largada do GP da Itália
1. Lewis Hamilton Grã-Bretanha Mercedes-Mercedes 1m 24.109s 
2. Nico Rosberg Alemanha Mercedes-Mercedes 1m 24.383s 
3. Valtteri Bottas Finlândia Williams-Mercedes 1m 24.697s 
4. Felipe MassaBrasil Williams-Mercedes 1m 24.865s 
5. Kevin Magnussen Dinamarca McLaren-Mercedes 1m 25.314s 
6. Jenson Button Grã-Bretanha McLaren-Mercedes 1m 25.379s 
7. Fernando AlonsoEspanha Ferrari-Ferrari 1m 25.430s 
8. Sebastian Vettel Alemanha Red Bull-Renault 1m 25.436s 
9. Daniel Ricciardo Austrália Red Bull-Renault 1m 25.709s 
10. Sergio Perez México Force India-Mercedes 1m 25.944s 

11. Daniil Kvyat Rússia Toro Rosso-Renault 1m 26.070s* 
12. Kimi Raikkonen Finlândia Ferrari-Ferrari 1m 26.110s 
13. Jean-Eric Vergne França Toro Rosso-Renault 1m 26.157s 
14. Nico Hulkenberg Alemanha Force India-Mercedes 1m 26.279s 
15. Adrian Sutil Alemanha Sauber-Ferrari 1m 26.588s 
16. Esteban Gutierrez México Sauber-Ferrari 1m 26.692s 

17. Pastor Maldonado Venezuela Lotus-Renault 1m 27.520s 
18. Romain GrosjeanFrança Lotus-Renault 1m 27.632s 
19. Kamui KobayashiJapão Caterham-Renault 1m 27.671s 
20. Jules Bianchi França Marussia-Ferrari 1m 27.738s 
21. Max Chilton Grã-Bretanha Marussia-Ferrari 1m 28.247s 
22. Marcus Ericsson Suécia Caterham-Renault 1m 28.562s 
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias