Hamilton se solidariza a Bottas: “merecia a vitória”

Vencedor improvável de uma corrida maluca no Azerbaijão, Lewis assume a liderança do mundial

O britânico Lewis Hamilton viu sua corrida virar totalmente após o Safety Car causado pelo acidente das duas Red Bulls no fim da prova deste domingo (29) no Azerbaijão. Fora da disputa pelo primeiro lugar, ele vinha em terceiro quando o inesperado aconteceu.

A corrida caiu no seu colo após o líder, Sebastian Vettel, errar na primeira curva e Valtteri Bottas abandonar na liderança uma volta depois, quando sofreu um furo de pneu depois de passar por cima de um pedaço de carro no meio da grande reta.

Falando depois da corrida, Hamilton disse: “foi realmente uma corrida emocional para ser honesto”.

“Valtteri fez um trabalho excepcional e realmente merecia a vitória, e Sebastian fez um ótimo trabalho também”

"Parece um pouco estranho estar aqui em cima, mas eu tenho que aceitar. Eu não desisti, continuei dando o máximo, mas foi uma corrida desordenada para mim. ”

O presidente não-executivo da Mercedes, Niki Lauda, ​​disse que sua equipe tem sentimentos contraditórios com o resultado. Ele revelou raiva após um furo no pneu ter custado a Bottas a vitória não ter sido limpado.

"Foi bom e ruim", disse ele à Sky Sports. "Por que eles não limparam o circuito corretamente? Houve muito tempo para fazer isso. Foi um desastre para Bottas e para Lewis foi realmente bom.”

“Ele (Bottas) fez tudo absolutamente perfeito. Ele poderia ter vencido a corrida facilmente, mas mesmo assim Lewis fez um bom trabalho, então graças a Deus ganhamos a corrida.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Azerbaijão
Pista Baku City Circuit
Pilotos Lewis Hamilton
Equipes Mercedes
Tipo de artigo Últimas notícias