"Hamilton se surpreendeu com o ritmo de Nico", crê Wolff

Diretor-executivo da Mercedes acha que Lewis não esperava ter um companheiro tão rápido quando chegou à Mercedes

O diretor-executivo da Mercedes, Toto Wolff, acredita que as performances de Nico Rosberg neste início de temporada surpreenderam Lewis Hamilton, enquanto o chefe do time, Ross Brawn, espera que o equilíbrio entre seus pilotos continue o mesmo até o final do ano.

Depois de cravar o companheiro nas três primeiras classificações, Hamilton viu o alemão fazer a pole position por três provas seguidas. No último GP, no Canadá, novamente conseguiu uma vantagem.

“Provavelmente, ele se surpreendeu com o ritmo de Nico”, acredita Wolff. “Vocês escreveram muito nas últimas semanas, pois não estava claro qual é o ritmo de Nico comparado com Michael e seus dias de Williams. Agora, ele provou que é realmente rápido, e isso surpreendeu Lewis, mas não acho que seja um problema.”

Para o dirigente, isso não vai atrapalhar a carreira de Hamilton na equipe, na qual ele chegou nesta temporada e tem mais dois anos de contrato.

“Vimos que ele foi forte no Canadá, e faria a pole antes de errar a freada [na última curva], então acho que veremos grandes corridas do Lewis. Não tenho dúvidas. Não acho que haja qualquer motivo para dizer que ele tem um problema ou está tendo dificuldades. Ainda é cedo na temporada. A equipe está começando para ele e Nico está aqui há alguns anos.”

Para o chefe do time, Ross Brawn, é natural que as performances dos dois se alternem. “Vamos ter esse cenário de iô-iô, de quando você tem dois pilotos que são muito competitivos e têm rendimento muito próximo. Quando um deles estiver confortável com o carro, o outro talvez não vai achar o equilíbrio que quer. Isso é o suficiente para que haja diferenças entre eles.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Lewis Hamilton , Nico Rosberg
Tipo de artigo Últimas notícias