Hamilton segura pressão de Vettel e vence em Spa; Massa é 8º

Alemão tenta, mas britânico se impõe em disputa volta a volta durante toda a corrida na Bélgica e reduz diferença no campeonato

Depois de conquistar sua 68ª pole position no último sábado (26) e igualar Michael Schumacher como o piloto que mais vezes largou na frente na Fórmula 1, Lewis Hamilton saiu de Spa-Francorchamps com os 25 pontos da vitória.

Ele ganhou neste domingo (27) pela terceira vez o GP da Bélgica, conquistando seu 58º triunfo na carreira. O piloto segurou e controlou bem seu rival pelo título mundial, Sebastian Vettel. O alemão mostrou suas garras após o primeiro pit stop, fazendo voltas rápidas e reduziu a diferença. Hamilton respondeu e ainda teve que sobreviver ao ataque feroz do líder do campeonato após o Safety Car.

Vettel, que perseguiu Hamilton durante a prova toda, viu sua diferença no mundial descer de 14 para sete pontos. Quem teve prova ruim foi Valtteri Bottas, terceiro no mundial, que chegou apenas em quinto após sucumbir a um ataque de Daniel Ricciardo depois da relargada no fim da prova. Kimi Raikkonen, que havia recebido um stop and go por não reduzir a velocidade sob bandeiras amarelas após o abandono de Max Verstappen, também passou a Mercedes 77 e foi o quarto.

O brasileiro Felipe Massa fez boa prova de recuperação e foi de 16º no grid para oitavo lugar ao fim da prova, se aproveitando de ultrapassagens, abandonos e de um toque das duas Force India que trouxe o Safety Car à pista.

Max Verstappen desapontou seus fãs após uma falha em sua Red Bull enquanto ocupava o quinto lugar na prova. O holandês teve problemas mecânicos e teve que abandonar a prova ainda no início.

Esteban Ocon e Sergio Perez protagonizaram o único Safety Car da prova. Os dois pilotos da Force India se tocaram enquanto disputavam posição na descida para a Eau Rouge. O francês quebrou o bico e o mexicano furou seu pneu. A pista precisou ser limpa pelos fiscais.

A corrida

Na largada, Hamilton manteve a ponta com Vettel, Bottas e Kimi logo atrás. Alonso saiu bem e foi para sétimo. No entanto, o espanhol perdeu várias posições nas voltas seguintes devido a pouca potência de seu motor Honda.

Hamilton passou a sustentar uma vantagem confortável para Vettel. Enquanto isso, Massa subiu de 16º no grid para 13º. O primeiro a abandonar foi Pascal Wehrlein, da Sauber. O segundo, Max Verstappen. Bastante desapontado, o piloto saiu de seu carro ovacionado por seus fãs.

Hamilton parou na volta 12 para trocar os ultramacios pelos macios. Vettel parou duas voltas depois e retornou à pista mais veloz. O alemão reduziu a diferença para Hamilton para menos de 1s. Enquanto isso, Kimi era punido por passar acelerando no local onde Verstappen parou o carro, que estava sendo sinalizado com bandeiras amarelas. O finlandês precisou pagar um stop and go de 10s e voltou em sétimo.

Na metade da corrida, o top-10 era Hamilton, Vettel, Botas, Ricciardo, Hulkenberg, Ocon, Raikkonen, Perez, Sainz e Grosjean.

Punido após passar Grosjean por fora da pista, Perez cumpriu uma penalidade de 5s em sua segunda parada. No entanto, ele voltou à frente do companheiro Ocon, que vinha havia ganho sua posição anteriormente antes do pit stop. Bravo, o francês tentou superar Perez na pista e acabou tocando no mexicano. Ocon perdeu a asa e Perez furou o pneu. O incidente trouxe o Safety Car à pista.

Na volta, Vettel bem que tentou, mas não conseguiu ultrapassar Hamilton mesmo com os pneus ultramacios contra os macios do inglês. Mais atrás, Ricciardo e Raikkonen superaram Bottas. O australiano subiu para terceiro lugar.

A próxima etapa acontece na Itália, em uma semana.

Resultado

Pos.PilotoChassisMotorDif.
1 united_kingdom Lewis Hamilton  Mercedes Mercedes 1:24'42.820
2 germany Sebastian Vettel  Ferrari Ferrari 2.358
3 australia Daniel Ricciardo  Red Bull TAG 10.791
4 finland Kimi Raikkonen  Ferrari Ferrari 14.471
5 finland Valtteri Bottas  Mercedes Mercedes 16.456
6 germany Nico Hulkenberg  Renault Renault 28.087
7 france Romain Grosjean  Haas Ferrari 31.553
8 brazil Felipe Massa  Williams Mercedes 36.649
9 france Esteban Ocon  Force India Mercedes 38.154
10 spain Carlos Sainz Jr.  Toro Rosso Renault 39.447
11 canada Lance Stroll  Williams Mercedes 48.999
12 russia Daniil Kvyat  Toro Rosso Renault 49.940
13 united_kingdom Jolyon Palmer  Renault Renault 53.239
14 belgium Stoffel Vandoorne  McLaren Honda 57.078
15 denmark Kevin Magnussen  Haas Ferrari 1'07.262
16 sweden Marcus Ericsson  Sauber Ferrari 1'09.711
  mexico Sergio Perez  Force India Mercedes  
  spain Fernando Alonso  McLaren Honda  
  netherlands Max Verstappen  Red Bull TAG  
  germany Pascal Wehrlein  Sauber Ferrari  
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Bélgica
Pista Spa-Francorchamps
Tipo de artigo Relato da corrida