Hartley: Acidente foi um dos maiores da minha carreira

compartilhar
comentários
Hartley: Acidente foi um dos maiores da minha carreira
Por: Glenn Freeman
12 de mai de 2018 16:11

Neozelandês admite que batida ocorrida durante terceiro treino livre para o GP da Espanha foi um dos maiores da vida profissional

Marshals remove the damaged car of Brendon Hartley, Toro Rosso STR13, from the circuit as the gearbox hangs off the back
Marshals remove the damaged car of Brendon Hartley, Toro Rosso STR13, from the circuit as the gearbox hangs off the back
Marshals remove the damaged car of Brendon Hartley, Toro Rosso STR13, from the circuit as the gearbox hangs off the back
The remains of the Brendon Hartley, Toro Rosso STR13, is lowered onto a truck after a heavy accident in FP3
The crashed car of Brendon Hartley, Scuderia Toro Rosso STR13 is recovered in FP3
The crashed car of Brendon Hartley, Scuderia Toro Rosso is recovered in FP3
Charlie Whiting, FIA Delegate observes the scene of the Brendon Hartley, Scuderia Toro Rosso STR13 crash in FP3
Brendon Hartley, Toro Rosso STR13

Brendon Hartley rodou e bateu com a traseira da sua Toro Rosso nas barreiras da curva 9, de alta velocidade, depois de colocar uma roda na grama do lado de fora, durante o TL3 do GP da Espanha. 

Seu carro estava muito danificado para que ele participasse da classificação, mas ele disse que está confiante de que todos os danos possam ser reparados por sua equipe até amanhã.

"Um impacto tão grande como esse, foi potencialmente o maior que eu já tive", disse Hartley quando perguntado pelo Motorsport.com quando ele teve uma batida tão forte.

"Eu realmente não me lembro, e não é porque eu só tive um acidente."

"Eu tive um acidente razoavelmente grande na primeira etapa do WEC em 2016 [em Silverstone], mas não teve um grande impacto no final."

"Esse foi definitivamente o maior acidente que eu tive em um longo tempo. Isso acontece em câmera lenta."

"Eu estava indo para trás em direção ao muro, então você realmente não sabe quando o impacto vai acontecer."

"Estou olhando no espelho para saber exatamente quando virá. Você se prepara um pouco, mas nunca é muito divertido."

Hartley calculou que ele estava apenas dois ou três centímetros fora de sua linha normal na curva 9.

"Muitas vezes uso a zebra na entrada da curva 9, como muitos outros fazem", disse ele. "Esta volta eu usei dois ou três centímetros demais e peguei a grama, e acho que há um buraco ali que me fez rodar muito rapidamente."

"Depois disso eu era passageiro. É uma diferença muito pequena naquela linha que causa grandes consequências."

Hartley ainda acredita que pode marcar pontos na corrida, já que estava feliz com as mudanças feitas durante a noite depois de uma difícil sexta-feira.

"Eu sei que todo mundo está trabalhando muito duro para preparar o carro para amanhã, estou confiante de que será difícil, então estarei pronto", disse ele.

"Eu não vou pensar muito sobre o acidente, e vou me concentrar em seguir em frente na corrida."

"Eu sei que a Toro Rosso começou no final do grid no ano passado e conseguiu marcar um ponto, por isso não é inatingível."

"Eu farei o meu melhor para colocar o acidente no fundo da minha mente e atacar a corrida como qualquer outro amanhã."

"Eu não vou deixar isso me afetar. Meus objetivos ainda estão em marcar pontos amanhã. Eu sei que é possível."

Relatos adicionais por Filip Cleeren e Edd Straw

 

Próxima Fórmula 1 matéria
Alonso torce para chuva “virar GP de cabeça para baixo”

Previous article

Alonso torce para chuva “virar GP de cabeça para baixo”

Next article

Vettel lamenta pole perdida, mas fica satisfeito com carro

Vettel lamenta pole perdida, mas fica satisfeito com carro
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Espanha
Localização Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Brendon Hartley
Equipes Toro Rosso Shop Now
Autor Glenn Freeman
Tipo de matéria Últimas notícias