Hasegawa: "Alonso e Senna são muito semelhantes"

Embora admita que não seja possível fazer uma comparação direta, por não ter trabalhado com o brasileiro, chefe da Honda vê semelhanças entre os dois pilotos

O responsável da Honda na Fórmula 1, Yusuke Hasegawa, considera de vital importância o feedback dos pilotos da McLaren para o avanço no desenvolvimento dos motores. Após sua segunda temporada na categoria, depois de seu retorno, em 2015, a marca japonesa parece ter dado um passo á frente em termos de confiabilidade, mas ainda estão longe do pódio.

"Nos treinos, ter o feedback dos pilotos nos ajuda muito. Mas precisamos saber de pequenas diferenças, por isso é um trabalho difícil. É também muito importante ter a confiança em nossos pilotos", disse o japonês para a revista da Honda.

Hasegawa aponta para a semelhança de caráter e vontade de melhorar todos os dias entre Fernando Alonso e Ayrton Senna.

"Eu não estava no time com Senna, mas os nossos funcionários mais experientes entendem que Ayrton sempre foi muito determinado. Acho que eles - Senna e Alonso - são muito semelhantes em desempenho e contribuição."

"Se alguém na Honda perde sua motivação, não podemos ir para a frente, por isso é bom ter pilotos que ajudem, dentro e fora da pista", diz o chefe da fabricante.

Hasegawa reconhece as dificuldades da Honda para reduzir a diferença com a Renault, Ferrari e Mercedes, depois de entrar com um ano de atraso no novo V6.

"Obviamente não podemos diminuir a diferença, por isso temos que aceitar a situação. E, claro, Fernando sempre nos ajuda, porque quer ir mais rápido, e é algo que apreciamos."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso , Ayrton Senna
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias
Tags aclaren 2017, alonso, ayrton senna, f1 2017, fernando alonso, mclaren, mclaren f1, mclaren honda, yusuke hasegawa