Holandês entra com processo contra a Sauber e quer estar no grid em Melbourne

Inconformado com sua demissão, Van Der Garde tem audiência na segunda-feira para tentar volta à F-1

Giedo Van Der Garde afirma que iniciou um processo judicial contra a Sauber. Sua alegação é que foi injustamente demitido pela equipe suíça no ano passado. 
 
[publicidade]O piloto holandês atuou como piloto de testes da Sauber em 2014, participando de sessões de treinos em sete GPs, e diz que esperava por uma chance como titular na Sauber. 
 
Entretanto, os dirigentes optaram pela saída de Van Der Garde e confirmaram Felipe Nasr e Marcus Ericsson como titulares para 2015. Recentemente, Raffaele Marciello foi anunciado como reserva da equipe, o que irritou ainda mais o holandês.
 
Van Der Garde entrou com uma ação no tribunal australiano e, de acordo com a mídia local, espera estar no grid em Melbourne, no dia 15. A audiência está agendada para segunda-feira. 
 
Antes de se transferir pela Sauber, o holandês fez parte do time da Caterham em 2013. 
 
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias