Honda diz que ambiente é causa das falhas no motor de Alonso

Fabricante identificou problema recorrente na MGU-H como a razão da falha do motor do espanhol

Fernando Alonso passou pelo Q1 e sentiu que o 13º ou 14º lugar no grid era possível, mas terminou em 15º, depois de não ter completado uma volta sequer no Q2 devido aos problemas no motor.

Ele vai precisar de uma nova unidade para a corrida de amanhã. O Motorsport.com apurou que a falha foi na MGU-H.

A falha no motor de Alonso aparece após dois problemas na MGU-H de Stoffel Vandoorne, que ocorreram nos treinos da sexta-feira.

O chefe da Honda, Yusuke Hasegawa, disse que a fabricante japonesa ainda não entendeu completamente a causa ou por que essas falhas ocorreram no Bahrein.

"Não temos certeza da causa exata, mas definitivamente é uma falha mecânica da MGU-H", disse Hasegawa. "É algo em torno dos rolamentos. Isso aconteceu (três) vezes aqui, o que é lamentável."

"Temos que substituir. Não sabemos porque aconteceu aqui três vezes, mas estamos suspeitando de algo neste ambiente. Possivelmente porque as temperaturas são muito altas."

Hasegawa expressou a confiança de que os carros da McLaren terminarão a corrida de domingo. No entanto, existem preocupações dentro do time que o problema na MGU-H irá se repetir na corrida.

Quando perguntado sobre o desempenho do motor Honda, Alonso disse que a falta de confiabilidade fez deste um exercício inútil.

"Não podemos completar uma volta ou fazer a classificação. Não me importo muito com a dirigibilidade se eu não puder terminar uma corrida até agora este ano ou se eu não posso terminar a classificação."

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Pista Bahrain International Circuit
Equipes McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias