Horner: manobra de Vettel sobre Verstappen foi “otimista”

compartilhar
comentários
Horner: manobra de Vettel sobre Verstappen foi “otimista”
Por: Adam Cooper
8 de out de 2018 20:28

O chefe da Red Bull, Christian Horner, acredita que a manobra de Sebastian Vettel sobre Max Verstappen no GP do Japão foi “otimista”.

Verstappen e Vettel colidiram em disputa pela terceira posição na curva Spoon, o que fez o alemão rodar e cair para o fundo do pelotão. A FIA, por sua vez, optou por não tomar medidas quanto ao acidente.

O piloto da Ferrari criticou Verstappen após a corrida, enquanto que o holandês respondeu que Vettel foi o responsável pelo choque.

Horner, no entanto, disse que a decisão dos comissários foi a correta.

“É muito difícil ultrapassar naquela curva”, disse o dirigente. “Não é um grande ponto de freada, e obviamente Sebastian estava otimista em sua manobra e Max foi robusto em sua defesa.”

“Para mim, foi um acidente de corrida, e acho que os comissários vieram com a decisão correta.”

“Foi muito oportunismo de Seb em uma curva em que é muito difícil de ultrapassar.

Já o conselheiro da Red Bull no automobilismo, Helmut Marko, disse ao Motorsport.com que a manobra de Vettel teve “motivação exagerada” e foi um “incidente de corrida”.

O toque com Vettel foi o segundo incidente com um piloto da Ferrari no GP do Japão.

Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H and Max Verstappen, Red Bull Racing RB14

Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H and Max Verstappen, Red Bull Racing RB14

Photo by: Mark Sutton / Sutton Images

Verstappen recebeu uma punição de 5s por retornar à pista de forma perigosa e colidir com Kimi Raikkonen na saída da chicane.

Horner defendeu a manobra de seu piloto.

“Ele é um competidor ferrenho”, disse. “O incidente na chicane com Kimi, ele foi forte na chicane, saiu da pista e retornou.”

“Você pode ver que ele não está olhando para seu retrovisor e não estava ciente de onde Kimi estava. Eles colidiram, foi parar nos comissários.”

“Eles deram uma punição, o que aceitamos, e aí obviamente ele teve de abrir uma diferença para chegar à janela de piststop.”

“No fim das contas, temos de aceitar a decisão dos comissários. Sentimos que foi um incidente de corrida. Ele não estava ciente de onde Kimi estava quando voltou. Foi uma infelicidade.”

Marko disse que o forte ritmo de Verstappen se deu apesar dos danos sofridos em seu carro.

“Ele teve alguns danos em seu assoalho após o acidente com Raikkonen. Ele perdeu mais de 20 pontos de pressão aerodinâmica”, disse.

“E ele teve um pouco de problema com o mapeamento de motor novamente. A Mercedes tinha muita reserva, mas foi uma boa recuperação vindo dos 5s [de punição].”

Próxima Fórmula 1 matéria
Toques de Verstappen enfurecem Ferrari no GP do Japão

Previous article

Toques de Verstappen enfurecem Ferrari no GP do Japão

Next article

FIA explica manobras de Magnussen e Alonso

FIA explica manobras de Magnussen e Alonso
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Localização Suzuka
Autor Adam Cooper
Tipo de matéria Últimas notícias