Horner não acredita que McLaren vá dominar o campeonato

compartilhar
comentários
Horner não acredita que McLaren vá dominar o campeonato
Por: Julianne Cerasoli
19 de mar de 2012 08:31

Chefe da Red Bull vê a relação de forças se alternando a cada prova e diz que seus pilotos não estavam felizes com o carro

O chefe da Red Bull, Christian Horner

O chefe da Red Bull, Christian Horner, não acredita que a temporada 2012 da F-1 será marcada pelo domínio da McLaren. Para o dirigente, como as diferenças entre as equipes estão apertadas, será mais uma questão de adaptação a cada circuito.

“Vimos ano passado que havia algumas mudanças – com alguns circuitos sendo melhor para cada carro, com características diferentes. A McLaren sempre foi bem na Austrália, e se você lembrar Lewis [Hamilton] seguiu Seb pela maior parte da corrida ano passado.”

Horner acredita que, na próxima etapa, em um circuito no qual a pressão aerodinâmica faz mais diferença do que em Melbourne, a Red Bull possa estar mais próxima do time inglês.

“Na Austrália, são curvas curtas, é ondulado, e não há muitas curvas de alta. Mas a Malásia é diferente, então será interessante de ver. Esperamos a McLaren forte na Malásia também, mas tomara que estejamos em melhor forma do que na classificação aqui.”

O chefe da Red Bull comemorou o fato de que, mesmo sem estarem particularmente felizes com seus carros, Sebastian Vettel e Mark Webber andaram juntos da dupla da McLaren.

“Sabíamos que a McLaren era competitiva desde os testes, e vimos isso neste final de semana. Mas nosso ritmo de corrida foi bem parecido com o deles – e nenhum dos nossos pilotos estava totalmente feliz com seus carros neste final de semana.”

Horner garantiu que a equipe sabe quais são as deficiências do carro, que se mostrou bem mais ‘nervoso’ do que nos últimos dois anos. “Sabemos onde precisamos melhorar, há várias coisas sendo produzidas e tiramos muitos pontos positivos deste final de semana, com um pódio e um quarto lugar.”

Por fim, o dirigente acredita que o ritmo de desenvolvimento de cada equipe será decisivo para o campeonato. “Acho que as equipes estão muito próximas. Como sempre, será uma corrida de desenvolvimento entre agora e o final da temporada. Quem tirar mais performance do carro rapidamente verá um ganho disso.”

Próxima Fórmula 1 matéria
No geral, nanicas do fim do grid aprovaram seus desempenhos

Previous article

No geral, nanicas do fim do grid aprovaram seus desempenhos

Next article

Organizadores afastam possibilidade de corrida noturna na Malásia

Organizadores afastam possibilidade de corrida noturna na Malásia
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Austrália
Autor Julianne Cerasoli
Tipo de matéria Últimas notícias