Koba animado: "Canadá é uma das pistas em que podemos ir bem”

Enquanto japonês espera primeiro bom resultado em Montreal, Sergio Perez fará sua estreia no Circuito Gilles Villeneuve

Kamui Kobayashi no grid em Mônaco

Depois de um final de semana desastroso em Mônaco, onde chegou com grandes expectativas e saiu sem nenhum ponto no bolso, a Sauber espera reverter a falta de sorte no GP do Canadá. Kamui Kobayashi lembra que chegou a estar em uma boa posição em 2011, mas sofreu com os pneus.

“No circuito de Montreal há retas muito longas, mas também curvas lentas. Acho que nosso carro parece ser bom nisso. Ano passado eu era segundo depois da relargada, mas depois sofri com problemas de aquecimento de pneus e tenho certeza de que melhoramos isso no carro deste ano. É uma das pistas em que podemos ir bem.”

Estreando em Montreal após não ter participado da etapa do ano passado em consequência do acidente que sofreu no treino classificatório em Mônaco, Sergio Perez marca seus primeiros pontos desde o segundo lugar da Malásia, segunda etapa do ano.

“Será o meu primeiro GP do Canadá, pois ano passado fiz apenas algumas voltas no treino livre e percebi que não me sentia suficientemente bem para pilotar. Acho que nas últimas provas tive muito azar, mas eu tinha ritmo, como meus tempos de Mônaco mostraram claramente.”

Em Monte Carlo, o mexicano marcou a melhor volta da prova, 1s5 mais rápido que o vencedor Mark Webber. Perez largou em último e chegou em 11º na ocasião.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Pilotos Kamui Kobayashi , Sergio Perez
Tipo de artigo Últimas notícias