Kubica inicia teste decisivo com a Williams em Abu Dhabi

Polonês já completou seus primeiros quilômetros com o FW40 em sessão que servirá para avaliar suas condições físicas

Robert Kubica já foi à pista com o carro da Williams de 2017 em Abu Dhabi, quando a equipe avaliará se suas lesões poderão afetar suas habilidades para retornar à F1.

O polonês, cuja carreira na F1 foi interrompida pelas graves lesões que sofreu em um acidente de rali, em 2011, é o favorito a substituir Felipe Massa na Williams na próxima temporada.

A Williams ficou encorajada com sua forma durante os testes que fez com o carro de 2014, em Silverstone e Hungria.

Ele também guiou um Renault de 2017 em Hungaroring em agosto, durante os testes coletivos, mas o teste da Pirelli em Yas Marina dá a Williams sua primeira impressão de suas capacidades com o equipamento atual.

O diretor técnico da Williams, Paddy Lowe, e o chefe de performance, Rob Smedley, permaneceram em Abu Dhabi para acompanhar seu progresso - assim como Nico Rosberg, que está atuando em seu grupo de empresários em sua jornada para voltar à F1. 

“Todos nós vimos como ele era na F1 no passado – um ótimo piloto, muito profissional, comprometido, entusiasmado, muito inteligente. Ele é uma promessa empolgante e é por isso que estamos olhando para ele”, disse Lowe.

“Estamos em progresso com Robert. É uma questão de avaliar se suas lesões terão impacto em sua habilidade de guiar um F1, simples assim.”

Lowe afirmou que precisou fazer apenas algumas pequenas mudanças, incluindo a mudança completa das marchas na alavanca da esquerda (normalmente os pilotos sobem a marcha com a alavanca direita e reduzem com a esquerda).

“Na verdade, a maioria dos pilotos ajustam o volante às suas preferências de qualquer forma. Na maioria das equipes, você vai encontrar volantes diferentes entre seus dois pilotos”, explicou Lowe.

O polonês pilotará até o meio da tarde local, antes de ceder o carro a Lance Stroll. Já o russo Sergey Sirotkin guiará na quarta-feira de manhã e em parte da tarde antes de devolver o FW40 a Kubica nas horas finais do teste.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Robert Kubica
Equipes Williams
Tipo de artigo Últimas notícias