Kubica rompe com Renault para buscar vaga na F1, diz site

Polonês havia assinado breve contrato com equipe, mas, diante da iminente chegada de Sainz, espera buscar outra oportunidade no grid

Mesmo sem espaço para voltar à F1 pela Renault, Robert Kubica ainda não desistiu de retornar ao grid em 2018. O polonês já rompeu seu contrato com a equipe francesa para buscar outra oportunidade para o ano que vem.

A informação é do site MotorsportMagazine. Kubica havia assinado um breve acordo com a Renault no primeiro semestre, época em que realizou seus primeiros testes com o time, ainda com o carro de 2012.

O polonês esperava ficar com a vaga que atualmente pertence a Jolyon Palmer. No entanto, ele foi preterido por Carlos Sainz, que deverá fazer dupla com Nico Hulkenberg em 2018.

Assim, Kubica já se viu livre de seu contrato e, agora, negocia outras oportunidades. De acordo com a publicação, há duas potenciais interessadas em seus serviços: Sauber e Williams, que ainda não fecharam suas duplas para o ano que vem.

Kubica não compete na F1 desde 2010, já que, no início do ano seguinte, sofreu um grave acidente de rali que provocou lesões em seu braço direito. Ele terminou seu teste oficial com a Renault, já com o carro de 2017, com o sexto melhor tempo nos dois dias de atividades combinados. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Robert Kubica
Tipo de artigo Últimas notícias