Kubica rompe relação com médico que coordenava sua recuperação

Roberto Ceccarelli, que é funcionário da Lotus, confirmou que houve desentendimentos em relação ao caminho do tratamento

O polonês Robert Kubica

O médico Roberto Ceccarelli confirmou que não está cuidando mais da recuperação de Robert Kubica. O italiano, funcionário da Lotus, era responsável pelo programa de reabilitação desde que o polonês sofreu seu acidente em uma competição de rali, em fevereiro deste ano.

“Robert continuará em seu processo com direção de uma outra pessoa. Quem ela será, eu não sei”, afirmou o médico.

As duas partes teriam decidido se separar após terem se desentendido acerca do processo de tratamento das lesões que acometeram principalmente seu braço direito e o levaram a diversas cirurgias.

“Posso confirmar que houve visões divergentes em relação à próxima fase de reabilitação.”

O médico, no entanto, continua crendo que o polonês esteja pronto para voltar às pistas em 2012.

“Sempre disse isso e continuo dizendo, mesmo que as expectativas de que ele poderia voltar à Renault em novembro fossem um pouco exageradas.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias