Kubica vê chances de retornar à F1 como titular em 2019

compartilhar
comentários
Kubica vê chances de retornar à F1 como titular em 2019
4 de jul de 2018 20:27

Piloto polonês diz que ainda não desistiu de sonho de correr na categoria: “estou apenas mirando estar no grid”

Robert Kubica confirmou que ainda está focado em voltar a ser titular na Fórmula 1 no ano que vem, mas aceita que seus planos para o futuro não serão confirmados até que as principais equipes definam oficialmente seus pilotos.

Vencedor de uma corrida na carreira, o piloto perdeu um retorno como titular na F1 neste ano para Sergey Sirotkin na Williams. No entanto, ele permanece focado. O polonês já participou de dois treinos livres neste ano até aqui, na Espanha e na Áustria.

"Meu status e minha posição não mudaram desde o final do ano passado", disse Kubica.

“Claro que haverá muitas discussões, embora eu fique longe delas. Parece que em novembro e dezembro eu era o tópico principal, o que é normal.”

“Agora, os caras de ponta precisam primeiro confirmar seus lugares. Estou tentando. É claro que minha meta será correr no ano que vem, mas isso não mudou desde o final do ano passado, como eu disse. Então vamos ver.”

Kubica competiu pela última vez na F1 há oito anos com a Renault antes de sofrer uma grande lesão no antebraço direito em um acidente de rali no início de 2011.

Desde que retornou à velha forma, Kubica competiu no WRC e também em outros eventos esportivos antes de voltar sua atenção para um retorno à F1 no ano passado.

"Há mais assentos e mais equipes que podem mudar seus pilotos", disse ele. “Estou apenas mirando para estar no grid com a Williams.”

“Meu alvo é estar no grid e vamos ver. Realisticamente falando, não há muitas equipes com as quais eu possa entrar ou conversar. Não há mágica.”

Next article
VÍDEO: Guia do circuito do GP da Grã-Bretanha

Previous article

VÍDEO: Guia do circuito do GP da Grã-Bretanha

Next article

Brown: rendimento “inaceitável” é fruto de instabilidade

Brown: rendimento “inaceitável” é fruto de instabilidade
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1