Lauda discute com Marko por apressar renovação de Verstappen

compartilhar
comentários
Lauda discute com Marko por apressar renovação de Verstappen
Charles Bradley
Por: Charles Bradley
Traduzido por: Daniel Betting
22 de dez de 2017 13:31

Em um programa no canal Servus TV na Áustria, Niki Lauda apontou que Helmut Marko e Red Bull cometeram erros na renovação de Max Verstappen

Max Verstappen, Red Bull, celebrates with his team and his father Jos Verstappen
Niki Lauda, Mercedes AMG F1 Non-Executive Chairman and Toto Wolff, Mercedes AMG F1 Director of Motorsport
Niki Lauda, Mercedes AMG F1 Non-Executive Chairman, Christian Horner, Red Bull Racing Team Principal and Dr. Helmut Marko, Red Bull Racing Motorsport Consultant
Niki Lauda, Mercedes AMG F1 Non-Executive Chairman and Dr Helmut Marko, Red Bull Motorsport Consultant
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Max Verstappen, Red Bull Racing RB13
Niki Lauda, Mercedes AMG F1 Non-Executive Chairman and Dr Helmut Marko, Red Bull Motorsport Consulta

O presidente não-executivo da Mercedes, Niki Lauda, enviou uma mensagem para Helmut Marko da Red Bull sobre a forma como assinaram um novo contrato com Max Verstappen. "Eu teria economizado dinheiro", disse o tricampeão do mundo sobre o acordo que a marca austríaca assinou com o holandês para amarrá-lo a um acordo de longo prazo.

Os dois personagens apareceram juntos na rede de televisão austríaca Servus. Lá, Lauda disse que a Mercedes "nunca falou" com Verstappen sobre a possibilidade de uma mudança de equipe. A pressa da Red Bull para manter o holandês fez com que pagassem mais do que o necessário.

A Red Bull assegurou os serviços de Max Verstappen com um contrato de longo prazo antes do GP dos Estados Unidos, tudo no meio dos temores de que a Mercedes poderia levar o holandês.

As especulações sobre um plano ganharam vida depois que o pai de Max, Jos, foi visto visitando o motorhome da Mercedes em Monza para conversar com o chefe da equipe, Toto Wolff, embora depois tenha sido entendido que essa reunião foi puramente social e não relacionada com a competição.

Fontes sugerem que a Mercedes nunca teve a intenção de assinar com Verstappen, pois não queria arriscar colocá-lo junto de Lewis Hamilton por medo de criar uma atmosfera volátil, como aconteceu com Nico Rosberg.

Quando Lauda foi questionada no programa de televisão sobre essa possibilidade, ele disse: "Nós nunca lhe oferecemos um contrato". Marko riu disto, dizendo: "Oficialmente, sim".

Lauda continuou: "Tenho um bom relacionamento com Helmut, geralmente compartilhamos um avião, mas quando ele é teimoso e acha que algo pode ser tirado dele, ele imediatamente assina um contrato, foi para Austin com o pai de [Verstappen] e assinou" .

Olhando para Marko, o tricampeão da F1 acrescentou: "Estou lhe dizendo, se tivéssemos falado antes, você teria economizado dinheiro. Nunca falamos com ele sobre dinheiro".

Diante dessa situação, Marko respondeu: "Imagine isso: nenhuma oferta, obrigado. Obrigado por tentar nos ajudar a economizar dinheiro".

Então ele tentou dar a volta em Lauda: "Você não tem alternativa para Hamilton, você tem que pagar o que ele exige".

Lauda respondeu: "Ok, não tenho objeções".

Verstappen "aproveitou a oportunidade para obter um aumento de salario"

Quando perguntado o que aconteceu durante as negociações entre a Verstappen e Red Bull, Marko explicou: "Apresentamos nossos planos para o futuro, garantimos que nossas pessoas mais importantes estão comprometidas até 2020 e que teremos uma alternativa em termos de fornecimento de motores. Este não é um segredo. Tudo o convenceu, é claro, aproveitou a oportunidade para conseguir um aumento de salário. Está dentro do razoável, mas está longe de [da remuneração de] Hamilton ou [Sebastian] Vettel. Quando ganhar campeonatos pode alcançar este nível, mas isso não é nenhum segredo".

Diante disso, Lauda respondeu: "Quando você se torna um campeão do mundo, você pode obter o mesmo que Hamilton? Você pagará como nós?"

Marko respondeu: "Para as proporções da Fórmula 1, estamos em um nível relativamente baixo".

Próxima Fórmula 1 matéria
Honda: Progresso de motor é algo para se orgulhar

Previous article

Honda: Progresso de motor é algo para se orgulhar

Next article

Renault: Sirotkin "precisa ter uma chance" na F1

Renault: Sirotkin "precisa ter uma chance" na F1
Load comments