Lotus espera "continuar aprendendo" na Malásia

compartilhar
comentários
Lotus espera
Por: Guilherme Carvalho
23 de mar de 2014 09:29

Federico Gastaldi, vice-diretor do time, acredita que carro estará competitivo apenas em maio, na Europa

A Lotus só não ficou nos dois últimos lugares do grid na primeira corrida do ano, em Melbourne, porque Esteban Gutierrez acabou perdendo cinco posições, pela troca do câmbio de sua Sauber. Na corrida, o time de Enstone viu seus dois carros abandonarem, mas pelo menos pode comemorar as 76 voltas dadas na corrida. Para o GP da Malásia, na próxima semana, o vice-diretor da equipe Federico Gastaldi espera apenas que o time continue o aprendendo.

“O objetivo na Malásia é continuar aprendendo. Eu estaria dançando mais rápido do que a música se dissesse algo diferente”, disse ao site oficial da F1. “Precisamos continuar aprendendo e se tudo correr conforme nós prevemos em colaboração com a Renault Sport F1, então estaremos em condições de progredir no Bahrein e quando o campeonato for para a Europa, em maio”, afirmou.

Gastaldi acredita que a Renault, fornecedora do motor da Lotus irá resolver todos os problemas que vêm enfrentando nesse início de trabalho com os V6 turbo. “A Renault Sport F1 é a atual campeã mundial, então como seria possível sair disso para nada?  Eles vão entregar o pacote certo para todos nós e isto permitirá à Lotus ir novamente para frente. Somos uma equipe menor - não somos como Mercedes, Ferrari ou McLaren -, mas temos um enorme espírito de corrida. Esperem e verão aonde o E22 pode chegar. Estamos prontos para lutar”, enfatizou o dirigente.

A principal razão para o otimismo de Gastaldi é que, depois de perder os testes de Jerez e enfrentar muitos problemas no Bahrein, a Lotus pela primeira conseguiu uma sequência tão grande de voltas na Austrália. “O início da temporada tem sido difícil para todos. Foi frustrante ver a equipe trabalhando tão duro, noite afora, mas sem resultados. Após a corrida da Austrália, parecia que tínhamos completado o nosso primeiro teste real. Foi a primeira vez que conseguimos correr algumas voltas consistentes com ambos os carros”, ressaltou. 
Próxima Fórmula 1 matéria
Confira os números do primeiro teste da pré-temporada de 2014

Previous article

Confira os números do primeiro teste da pré-temporada de 2014

Next article

De chefe novo, Ferrari desiste de caça à Mercedes e quer ter 2º melhor carro

De chefe novo, Ferrari desiste de caça à Mercedes e quer ter 2º melhor carro
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP da Malásia
Autor Guilherme Carvalho
Tipo de matéria Últimas notícias