Lotus: Raikkonen é punido e larga em décimo; Grosjean parte de 11º

Finlandês espera ir melhor na corrida; francês acredita que o jogo de pneu novo que economizou poderá fazer a diferença

O classificatório da equipe Lotus não foi o esperado pelo que o time mostrou nos treinos livres. O finlandês Kimi Raikkonen irá largar em décimo após ser punido em três posições por atrapalhar uma volta rápida de Nico Rosberg e Romain Grosjean, que sequer conseguiu passar ao Q3 após o time demorar a liberá-lo para a pista na hora em que a chuva caiu no meio do treino, em 11º.

Kimi disse que o carro tinha um pequeno pênalti com os pneus de chuva fraca: "Não fomos rápidos o suficiente com os pneus intermediários, e não acho que poderíamos ir muito além disse nessas condições molhadas de hoje. Queremos mais e espero que o domingo seja melhor. Não tenho ideia de qual o clima para a corrida, mas será o mesmo para todos", disse Kimi, líder do campeonato que venceu a primeira corrida do ano, em Melbourne, Austrália, domingo passado.

Para Grosjean, o azar imperou justamente no momento mais importuno: "Tínhamos um carro bem rápido nos treinos livres, e facilmente colocaríamos ambos entre dez, mas infelizmente o tempo mudou na hora errada. Meu Q2 começou com pneus muito gastos, e assim que coloquei novos, a chuva chegou. Foi uma pena. Mas pelo menos teremos um jogo de pneus novos a mais para amanhã; tomara que possamos utilizá-los", finalizou o franco-suíço, que larga na sexta fila, em 11º.

A corrida para o Grande Prêmio da Malásia, em Kuala Lumpur, segunda etapa do Mundial de Fórmula 1, será neste domingo às 5h da manhã.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Kimi Raikkonen , Romain Grosjean
Tipo de artigo Últimas notícias