Magnussen aposta no título do "Campeonato da Classe B"

compartilhar
comentários
Magnussen aposta no título do
Por: Scott Mitchell
17 de ago de 2018 19:35

Dinamarquês diz que está tentando ganhar um campeonato que criou em sua mente nesta temporada

Kevin Magnussen é o oitavo na classificação de 2018, com 45 pontos, apenas sete atrás do piloto da Renault, Nico Hulkenberg.

No entanto, o piloto seguinte mais bem colocado - Max Verstappen - tem pontuação maior do que Magnussen e Hulkenberg juntos, graças ao abismo de desempenho entre Mercedes, Ferrari e Red Bull e o resto do campo.

"Estou criando esse grande campeonato em minha cabeça", disse Magnussen ao Motorsport.com. "Eu sei que não existe, mas na minha cabeça, é algo para me motivar.”

"Deixei de lado as três melhores equipes, não estou preocupado com isso, mas estamos em uma luta equilibrada com as duas ou três outras equipes do meio do grid e essa luta é algo que eu realmente quero vencer."

Magnussen foi o “melhor do resto” em duas ocasiões nesta temporada, terminando em sexto na Espanha e na França.

Ele venceu esse resultado na pista, marcando o quinto lugar no Bahrein e na Áustria, mas terminou atrás da Toro Rosso de Pierre Gasly, e do companheiro de equipe de Haas, Romain Grosjean, nessas corridas, respectivamente.

Magnussen entrou na F1 em 2014 e alcançou um pódio em sua estreia com a McLaren, mas não vence desde o final da temporada de 2013 da Fórmula Renault 3.5.

"Eu não tive nenhum tipo de emoção vencedora durante todo o tempo em que estive na F1", disse ele.

"Quando terminei em terceiro, mas consegui o segundo lugar na Austrália, na minha primeira corrida, ainda não tinha esse tipo de emoções vencedoras, era apenas um terceiro.”

"Agora consegui focar neste grande campeonato que criei em minha cabeça e quando venci os outros caras, recebi as mesmas emoções [de como vencer].”

"Eu não me importo com os três grandes times, eles estão em uma liga diferente.”

"Quando chego à frente de todas as equipes do meio de grid, sinto emoções assim e isso é extremamente motivador."

Magnussen deve estender seu contrato com a Haas, após passagem pela Renault.

Ele disse: "O que você quer se você não está em uma equipe de ponta, que não pode lutar por vitórias e campeonatos?”

"É uma equipe estável que lhe dá um bom carro, que ainda pode lutar por pontos e ainda lutar por esse campeonato da Classe B.”

Briga pela Classe B da F1

O único reconhecimento oficial de Classe B da Fórmula 1 foi com o Jim Clark Trophy de 1987, que teve pilotos que não tinham motores turboalimentados e foi vencido por Jonathan Palmer.

O parceiro estatístico do Motorsport.com, Forix adaptou a batalha ficcional de Magnussen na Classe B durante toda a temporada.

Magnussen levou duas vitórias neste ano, o que o coloca em segundo lugar, perdendo apenas  para Nico Hulkenberg.

Fernando Alonso, da McLaren, Pierre Gasly, piloto da Toro Rosso, Romain Grosjean, Sergio Perez, da Force India, e Esteban Ocon, da mesma categoria, também provaram o sucesso da Classe B.

Pos

Piloto

Equipe

Pontos

1

Nico Hulkenberg

Renault

169  

2

Kevin Magnussen

Haas

147  

3

Carlos Sainz

Renault

133  

4

Fernando Alonso

McLaren

123  

5

Esteban Ocon

Force India

113  

6

Sergio Perez

Force India

106  

7

Pierre Gasly

Toro Rosso

89  

8

Romain Grosjean

Haas

74  

9

Charles Leclerc

Sauber

65  

10

Stoffel Vandoorne

McLaren

62  

11

Marcus Ericsson

Sauber

52  

12

Brendon Hartley

Toro Rosso

34  

13

Lance Stroll

Williams

33  

14

Sergey Sirotkin

Williams

9  

Próxima Fórmula 1 matéria
Renault terá novo assoalho no GP da Bélgica

Previous article

Renault terá novo assoalho no GP da Bélgica

Next article

GP do México prepara despedida para Alonso

GP do México prepara despedida para Alonso
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Kevin Magnussen
Equipes Haas F1 Team
Autor Scott Mitchell
Tipo de matéria Últimas notícias