Marko: "Alonso fez tudo para que motor Honda parecesse ruim"

31,572 visualizações

Para consultor da Red Bull, fabricante japonesa estava limitada em seu desenvolvimento por causa da especificação do chassi da McLaren

Depois de romper seu contrato com a McLaren, a Honda encontrou outra maneira de continuar na F1 e será a fornecedora de motores da Toro Rosso. O consultor da Red Bull, Helmut Marko, mostrou otimismo em relação a essa parceria e, falando ao jornal alemão Auto Motor und Sport, expressou seu ponto de vista.

"Na Honda eles são muito ativos e já encontraram algo. Talvez possam chegar ao nível da Renault com a segunda especificação de seu motor. A Honda teve que comprometer seu desenvolvimento devido à especificação do chassi da McLaren. Não puderam se desenvolver livremente, tem que levar em consideração que estavam bastante limitados”.

“Além disso, [Fernando] Alonso fez todo o possível para que o motor Honda parecesse ruim".

Portanto, Marko acredita que a Honda fará um trabalho muito melhor do que o que foi visto em sua aliança com a McLaren.

Pierre Gasly e Brendon Hartley serão a dupla da Toro Rosso em 2018 e serão eles que terão que lidar com os motores Honda. O equipamento da equipe satélite da Red Bull servirá como um campo de provas.

A marca japonesa quer recuperar o prestígio perdido após os três anos frustrantes com a McLaren mostrando que pode estar no mesmo nível de Mercedes e Ferrari. Para o futuro, a marca pretende lutar pelo campeonato mundial da Fórmula 1 com a Red Bull.

Por outro lado, Marko sabe que a Mercedes ainda está à frente dos outros. Na opinião do consultor, a equipe de Brackley está destinada a continuar no topo.

"A Mercedes está claramente à frente em termos de facilidade de condução, desempenho, consumo e potência".

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Fernando Alonso
Equipes Red Bull Racing , Toro Rosso , McLaren
Tipo de artigo Últimas notícias