Marussia decide correr apenas com Chilton em homenagem a Bianchi

Equipe desiste de promover a estreia do norte-americano Alexander Rossi neste final de semana

Depois de chegar a inscrever o norte-americano Alexander Rossi, a Marussia decidiu correr apenas com Max Chilton durante o GP da Rússia. A equipe consultou a família de Jules Bianchi, que segue internado em estado grave no Japão após acidente sofrido no último domingo, antes de tomar a decisão.

[publicidade] Em comunicado, a equipe afirmou que “sente fortemente que andar apenas com um carro é a ação apropriada sob as difíceis circunstâncias do final de semana.”

O carro com o qual Rossi faria a estreia permanecerá preparado na garagem, que ainda leva o nome de Bianchi.

Único piloto do time no final de semana, Max Chilton admitiu que tem sido uma etapa “muito emocionante para toda a equipe. O apoio da família da F-1 tem sido incrível e tudo o que podemos fazer é apoiar a família de Jules nesse momento difícil. Vamos seguir adiante e seguiremos rezando por Jules.”
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias