Marussia volta atrás e Chilton é confirmado para o GP da Bélgica

Piloto britânico havia sido substituído ontem por Alexander Rossi por "problemas contratuais"

Depois de ser substituído de última hora pelo norte-americano Alexander Rossi, que faria sua estreia na Fórmula 1 neste final de semana, Max Chilton foi confirmado no GP da Bélgica pela equipe Marussia.

[publicidade] Na quinta-feira, o time havia anunciado que o britânico não correria devido a “problemas contratuais” e seria substituído pelo reserva, que chegou a participar da primeira sessão de treinos livres em Spa-Francorchamps.

Ainda que os tais problemas contratuais não tenham sido explicados, acredita-se que as empresas que apoiam Chilton não efetuaram o pagamento devido pela vaga. O piloto, contudo, afirmou que havia “saído voluntariamente” para que o time pudesse vender sua vaga e arrecadar dinheiro.
Chilton volta ao carro na segunda sessão de treinos livres, que tem início às 9h pelo horário de Brasília.
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Tipo de artigo Últimas notícias