Massa atribui resultado "decepcionante" a pneus e estratégia

Com início promissor, brasileiro afirma que pneus médios o impediram de conseguir melhor resultado final

Felipe Massa teve um início de GP do Bahrein promissor. Saindo da sétima posição e contando com a confusão entre Valtteri Bottas e Lewis Hamilton, o piloto da Williams chegou a ser vice-líder da prova, atrás somente de Nico Rosberg.

Mas a estratégia que a equipe empregou - de apenas duas paradas - e o rendimento do carro, ficou difícil para o brasileiro algo melhor do que a oitava posição no fim.

"Tive um grande começo, saindo de sétimo para segundo, mas, infelizmente, a estratégia de duas paradas não funcionou como esperado e nosso ritmo no pneu médio não foi muito bom."

"Isto permitiu que os outros carros com pneus macios chegassem à frente e ficassem lá."

Começando a prova em sétimo, a sensação de que o trabalho não foi bem executado foi dominante para Massa e o restante do time ao final da corrida.

"Começamos o fim de semana esperando mais, por isso foi um resultado decepcionante, mas espero que possamos aprender com este fim de semana e ter um melhor resultado na China."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do Bahrein
Sub-evento Domingo
Pista Bahrain International Circuit
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias