Massa celebra estrutura para piloto "fresco" e "sangue bom"

Anfitrião do Desafio das Estrelas, piloto da Ferrari revela que colegas da F-1 ficaram impressionados com evento

Massa e Sutil em Florianópolis

Vida de piloto já não é fácil, mas neste final de semana em Florianópolis Felipe Massa acumula outra função complicada. Anfitrião do Desafio das Estrelas, o piloto da Ferrari se anima com o reconhecimento dos colegas pilotos em relação à estrutura do evento.

“É sensacional. Eu trouxe o Sutil aqui e, na hora que ele viu a estrutura e a pista, ele disse que nunca tinha visto um evento de kart como esse. Quando o Maldonado chegou aqui, você precisava ver a alegria de ver o kart, a pista, tudo”, revelou. “Para mim é superespecial. É uma experiência única, não só pelo fato de eu correr – e, para mim, é exatamente igual estar competindo – mas por organizar também.”

Perguntado sobre o que era mais difícil, fazer uma volta perfeita ou organizar um evento como este, Massa ficou dividido.

“Briga boa, os dois são bem difíceis. Mas acho que quando você chega em um nível em que chegamos, fica mais fácil porque já há estrutura. É como fazer a classificação com um carro na mão, é bem mais fácil. Tudo é difícil, mas possível.”

Uma preocupação a mais que o piloto acaba tendo além de correr, diferentemente de um final de semana comum de corrida, é com o bem-estar dos convidados, mas Massa garante que tira isso de letra.

“Tem piloto fresco pra caramba, mas a maioria que corre aqui não tem frescura nenhuma e, na verdade, a gente faz isso [disponibilizar estrutura especial] indenpedentemente deles pedirem. A estrutura que a gente tem aqui é, não só para o piloto sangue bom, mas para o fresco também. Não temos reclamação nenhuma porque a estrutura é fantástica.”

(colaborou Felipe Motta, de Florianópolis)

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias