Massa e Di Resta são favoritos por vaga; Kubica vem por fora

28,839 visualizações

Com chances reduzidas para Wehrlein, Palmer e Ericsson, Kubica também vem por fora nas chances da Williams. Entenda o cenário

Depois da confirmação da ida de Carlos Sainz para a Renault, o cockpit na Williams ao lado de Lance Stroll passa a ser o centro das atenções no mercado de pilotos.

São quatro os nomes no caderno de Paddy Lowe: Paul di Resta, Felipe Massa, Pascal Wehrlein e Robert Kubica. De acordo com os últimos rumores, parece que a escolha está entre os dois primeiros candidatos, já que são dois pilotos que a equipe inglesa conhecem bem e que agradam ao pai de Stroll.

No fim de semana do GP de Cingapura também houve a candidatura de Marcus Ericsson, mas a Williams respondeu com um “não” que fechou as portas para o piloto sueco.

Também tem se falado de um interesse de Jolyon Palmer, que, após o anúncio de Sainz, ficou oficialmente a pé para a próxima temporada. Mas não está claro se a equipe possa se interessar por sua candidatura.

A Mercedes tenta colocar Wehrlein, mas, além dos problemas com a idade (a equipe quer alguém com mais de 25 anos para agradar à patrocinadora Martini), não parece que esteja com o consentimento por parte dos Stroll.

Já a situação de Kubica é diferente. A Williams quer planejar um teste com o piloto polonês, mas o tempo está passando. E, se não chegar a confirmação do teste nos próximos dias, suas chances serão ainda menores. 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Robert Kubica
Equipes Williams
Tipo de artigo Últimas notícias