Massa exalta união de pilotos em encontro

Brasileiro falou como foi a reunião da maioria dos pilotos grid em restaurante de Xangai e da satisfação de fazer parte da F1 de todos eles

Assim que a maioria dos pilotos desembarcaram em Xangai, 17 dos 23 titulares dos carros da F1 se encontraram em um restaurante de Xangai, cidade que abriga o GP da China, que acontece neste fim de semana, valendo pela terceira etapa do campeonato mundial de 2016.

Felipe Massa era um deles e comentou nesta quinta-feira o teor do encontro, que rendeu boas fotos nas redes sociais dos pilotos.

"Acho que foi um jantar muito agradável ontem, por isso temos que tentar fazer isso mais vezes. Precisamos tentar estar muito mais próximos e acho que podemos mudar um pouco de mentalidade."

Tamanha satisfação do brasileiro vem após o sentimento de estar perto de seus colegas, mas, ao mesmo tempo, longe deles.

"É realmente negativo na F1 que ninguém se veja no paddock, todo mundo está preso dentro de uma sala ou em reunião, então corremos juntos, mas não apenas na pista, então eu acho que foi muito bom."

"Precisamos repetir isso mais e acho que nós precisamos estar unidos, porque temos uma grande quantidade de energia e os pilotos juntos, unidos, podemos fazer mais para melhorar o show, o esporte e podemos ajudar."

Massa ressaltou o sentimento de quem está dentro da maior categoria do automobilismo mundial, que às vezes é esquecido entre eles.

"Queremos estar aqui para guiar um F1 e ser realmente positivo para a F1, quero dizer que sempre foi nosso sonho, um sonho de todos os pilotos que estavam lá juntos ontem."

"Precisamos conversar bem sobre a categoria, precisamos tentar ajudar a F1 e acho que nós podemos definitivamente fazer muito para ajudar e eu acho que talvez a F1 precisa de alguma ajuda."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Sub-evento Quinta-feira
Pista Shanghai International Circuit
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias