Massa minimiza recorde e diz: "preferia estar na pole"

Brasileiro registrou 364.4 km/h durante treino classificatório para GP do México, maior velocidade atingida por novas unidades de potência, introduzidas na F1 em 2014

Felipe Massa larga em sétimo no GP do México, que será realizado neste domingo (1), mas o brasileiro ocupou o topo da tabela em outro quesito durante a treino classificatório para a prova que marca o retorno do circuito Hermanos Rodriguez ao calendário após 23 anos de ausência. Com impressionantes 364.4 km/h, o piloto da Williams registrou a velocidade mais alta da sessão.

Este número não é somente o maior da temporada, mas também o recorde da era dos motores V6 híbridos, introduzidos na F1 no início de 2014. No ano passado, Daniel Ricciardo chegou a 362.1 km/h no GP da Itália - marca batida na sexta-feira por Lewis Hamilton, que atingiu 362.3 km/h. 

Massa, no entanto, minimizou a marca em entrevista à TV Globo, ressaltando que trocaria o recorde por uma posição de largada melhor do que o sétimo lugar obtido na classificação. "Estar a 364 ou a 330 km/h não faz muita diferença na hora de guiar. Preferia estar na pole do que batendo recorde de velocidade em reta", disse o brasileiro.

A marca registrada por Massa pode ser superada durante a prova deste domingo, levando-se em conta que o vácuo deve impulsionar ainda mais os carros - isso se a chuva, que ameaçou mas não caiu durante a classificação, não der as caras na corrida.

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP do México
Pista Autodromo Hermanos Rodriguez
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias