Massa revela carro diferente de Alonso e problemas na prova

Além da necessidade de poupar combustível e de assoalho velho, brasileiro teve perda de performance desde início do GP

Depois de conquistar um pódio no Japão e mostrar que tinha ritmo para repetir o feito na prova seguinte, na Coreia, o fato de Felipe Massa não ter passado do sexto posto na Índia pode ser considerado uma decepção.

Ao TotalRace, o brasileiro explicou que teve uma série de pequenos problemas, inclusive, não podendo usar o mesmo carro do companheiro Fernando Alonso. “Com certeza não foi o máximo”, reconheceu o piloto da Ferrari. “Olhando todos os problemas que tive na corrida, no fim das contas não foi tão ruim. Foram coisas pequenas que não me deram a oportunidade de terminar mais à frente. Com tudo certo, poderia ter lutado com a McLaren e até terminado à frente deles”.

Mesmo assim, Massa preferiu ver o lado positivo do resultado. “Não estou frustrado. Com tudo aquilo que aconteceu na minha corrida, de ter de economizar gasolina, com a perda de downforce no carro a partir da volta 18 – talvez alguma peça tenha quebrado e isso certamente não ajudou – e pelo fato de eu não ter o mesmo assoalho novo que o Fernando. Acho que, calculando tudo isso, não foi um resultado ruim”.

O brasileiro explicou como teve de agir para economizar combustível, algo que teve de fazer nas últimas 40 voltas – e com Kimi Raikkonen colado atrás. “[Tinha de] tirar o pé antes da freada, não ser tão agressivo, usar marchas mais altas em determinadas curvas, há várias coisas que deve fazer”.

O trabalho do piloto foi reconhecido pelo chefe da Ferrari, Stefano Domenicali. “Felipe teve de gerenciar seu problema de combustível e foi muito hábil ao segurar Raikkonen, que sempre esteve por perto. Temos de cumprimentá-lo porque fez uma ótima corrida”.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da Índia
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias