Massa se surpreende com 12º lugar e diz que carro melhorou na hora H

Brasileiro afirma que expectativa da Ferrari era ficar entre os quinze primeiros e que mudança na pista deve ter ajudado

Massa larga em 12º na China

Após os treinos livres, apostar em Felipe Massa parando no Q1 não seria exagero. Como em um passe de mágica, o time melhorou na classificação e o brasileiro fechou o Q1 entre os melhores, ainda que muitos não tivesse andado com os mesmos pneus macios utilizados por Massa. Na segunda parte, esteve perto de se classificar para o Q3, mas teve de se contentar com o 12º lugar no grid, logo atrás de Sebastian Vettel.

"Eu acho que tirei quase tudo do carro. A gente vinha sofrendo muito nos treinos, mas na classificação o carro melhorou de um momento para o outro sem explicação, para falar a verdade. Acho que faltou um pouco, mas estávamos no limite. Talvez eu pudesse ser uns dois, três décimos mais rápido."

"Acho que foi uma boa classificação de qualquer forma olhando quanto melhoramos dos livres para a classificação. Estamos trabalhando para melhorar. Na Malásia fui o 13º, aqui o 12º. Tenho boas companhias do meu lado para largar. Vamos tentar fazer um bom trabalho amanhã", disse Massa, em entrevista acompanhada pela reportagem do TotalRace.

No grid, Massa está atrás, além das fortes Mercedes, McLaren, Red Bull e Lotus, da Sauber, que se mostra realmente competitiva. "Acho que hoje sim [ter um carro inferior à Sauber]. Vínhamos lutando nos livres para ficar entre os quinze primeiros e a situação melhorou bastante na classificação. Vamos ver amanhã se conseguimos melhorar mais. Talvez tenha sido a pista que nos tenha ajudado por alguma mudança. Vamos ver se amanhã conseguimos melhorar um pouco para brigar com essas equipes lá na frente."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP da China
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias