Massa sobre campeonato de 2008: "Me senti lesado"

Brasileiro revela que até hoje se sente chateado por manipulação de resultado feita pela Renault na corrida de Cingapura

No programa 'Bem, Amigos' do SporTV nesta segunda-feira, Felipe Massa confessou que ainda se sente mal por ter perdido o título de 2008 por um ponto. Para o ex-piloto da Ferrari, a corrida de Cingapura deveria ter sido cancelada.

Na ocasião, Nelsinho Piquet bateu seu carro de propósito para que Fernando Alonso, utilizando-se de uma regra de Safety Car que mandava que os carros se agrupassem antes dos boxes abrirem, fosse beneficiado subindo na classificação após parar antes do acidente.

Parando nos pits no momento do Safety Car provocado por Nelsinho, Massa entrou nos boxes na liderança e, por um erro do mecânico que controlava sua saída, levou a mangueira que fazia o abastecimento de seu carro.

“Foi uma corrida em que o resultado final foi diferente do que deveria ser, me senti lesado”, afirmou Felipe.

“É uma corrida que deveria ter sido cancelada. Regra é regra, mas o problema é a política. Aconteceu isso no futebol, com jogos em que árbitros foram pagos na Itália. A Juventus foi para Série B tendo vencido o campeonato e o Milan perdeu pontos. Mas vamos pensar para frente, não adianta voltar, não vai mudar nada.”

O piloto também relembrou o fim do campeonato em Interlagos, quando por pouco não foi campeão do mundo. “Não tinha como não chorar. Imagina vencer o campeonato dentro de casa, seria demais. E estava acontecendo, larguei na pole, fiz a volta mais rápida e ganhei a corrida. Mas não perdi o campeonato ali, perdi o campeonato antes”, lembrou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias